COM PELO MENOS 271 CASOS DE SARAMPO, MANAUS DECRETA SITUAÇÃO DE EMERGÊNCIA
A maioria dos pacientes são crianças com até cinco anos.

A maioria dos pacientes são crianças com até cinco anos.

Em decorrência de um surto de sarampo, a prefeitura de Manaus decretou situação de emergência na cidade, nesta terça-feira (3). O decreto, anunciado pelo prefeito Arthur Virgílio Neto, tem validade de 180 dias. Segundo informações do G1 AM, um balanço divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) aponta que 271 casos já foram confirmados na cidade. A maioria dos pacientes são crianças com até cinco anos.

Além disso, a Semsa indica que há 1.841 casos sob investigação em Manaus, sendo a maior concentração na Zona Norte. De acordo com a publicação, o surto da doença na capital do Amazonas chegou a provocar a antecipação da campanha de prevenção, que estava prevista para iniciar em agosto. Com isso, até o dia 18 de junho, a cobertura vacinal no Estado alcançou 81,2% do público alvo.

Comente pelo Facebook
COMPARTILHE