Esportes: Em luta dura, Anderson supera Brunson e volta a vencer após mais de 4 anos

Foto: Reprodução/UOL Esporte

Foram mais de quatro anos de jejum até Anderson Silva voltar a vencer no Ultimate Fighting Championshio (UFC). Aos 41 anos de idade, o brasileiro bateu o americano Derek Brunson na madrugada deste domingo (12) em Nova York, nos Estados Unidos, pelo UFC 208. O resultado de decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28 e 30-27) deixou o atleta emocionado. “Primeiro de tudo, obrigado por virem aqui hoje. Muito obrigado ao UFC e aos meus amigos, minha família e meus filhos. Primeiro de tudo, Deus. Eu trabalhei muito durante muito tempo para lutar aqui. Coloco sempre meu coração. Às vezes tenho uma dor nas pernas, nas costas, às vezes procuro minha família e digo que vou treinar por três ou quatro meses, e agora quando venho para uma luta, venho para proporcionar isso a todos e dar o meu melhor. Desculpem, pois sei que estou muito velho para lutar, todo mundo aqui é mais novo, mais forte, mas eu fiz isso aqui com o meu coração. Quando eu venho aqui dentro do octógono, coloco toda a minha vida aqui dentro. Respeito todo mundo aqui, respeito os fãs e venho aqui para lutar feliz, pois amo o meu trabalho, amo o UFC, meus fãs no mundo e, por muito tempo sonhei em lutar em Nova York, eu nem acredito que isso aconteceu. Obrigado!”, declarou. Assim como Anderson Silva, Ronaldo “Jacaré” e Glover Teixeira venceram suas lutas no evento.

Faça um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esta matemática é de preenchimento obrigatório. * O prazo está esgotado. Digite novamente o valor CAPTCHA.