ITABUNA: PRESO EM SÃO PAULO SUSPEITO DE MATAR TÉCNICA EM ENFERMAGEM
Jefferson, o Quinho, foi preso no Estado de São Paulo, nesta quarta

Jefferson, o Quinho, foi preso no Estado de São Paulo, nesta quarta

A Polícia Rodoviária Federal prendeu, em São José do Rio Preto, em São Paulo, o principal suspeito da morte da técnica em enfermagem Maria Ferreira Lima, de 51 anos, funcionária da Santa Casa de Misericórdia de Itabuna. Jefferson Costa Nascimento, o Quinho, estava sendo monitorado pela Polícia Civil baiana.

Na semana passada, o criminoso empurrou Maria Ferreira de uma moto em movimento para roubá-la, no Bairro de Fátima. Na queda, a vítima sofreu traumatismo craniano e faleceu no último final de semana, na UTI do Hospital Calixto Midlej Filho.

Maria Ferreira era funcionária da Santa Casa de Itabuna

Maria Ferreira era funcionária da Santa Casa de Itabuna

De acordo com o coordenador da Polícia Civil em Itabuna, André Aragão, Jefferson fugiu para Vitória da Conquista na terça (10). De lá, partiu para o município paulista, ondem foi preso ontem à tarde pela PRF. O mandado de prisão contra “Quinho”, de acordo com Aragão, foi expedido pela comarca itabunense da Justiça.

“Quinho” será transferido para Itabuna. Ele foi reconhecido por testemunhas. De acordo com o delegado André Aragão, o criminoso poderá pegar entre 20 a 30 anos de prisão pelos crimes.

Imagens de circuito de segurança flagram um homem armado observando carros e, na sequência, atacando a técnica de enfermagem. Ela é empurrada da moto ao tentar se desvencilhar do assaltante, que estava com arma em punho. Com a queda de Maria Ferreira, o assaltante rouba a bolsa da vítima e foge correndo. De acordo com testemunhas e a polícia, o autor do crime foi Jefferson. (Redação/Fotos: Pimenta blog)

Comente pelo Facebook
COMPARTILHE