SESAB CONFIRMA MORTE CAUSADA PELA H1N1 EM URUÇUCA
Uruçuca registra primeira morte por H1N1 no sul da Bahia

Uruçuca registra primeira morte por H1N1 no sul da Bahia

Uma pessoa do município de Uruçuca não resistiu ao subtipo A H1N1 da gripe, conforme a Secretaria de Saúda da Bahia (Sesab). Não foi informado qual o sexo, idade nem se a pessoa contraiu a doença na localidade onde morava. É o primeiro óbito confirmado no sul da Bahia neste ano, segundo o boletim epidemiológico. De acordo com os dados oficiais, no período de 1º de janeiro a 9 deste mês, foram notificados 181 casos de gripe do subtipo A H1N1 e 22 mortes no estado. Foram notificados também 1.231 casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), com 93 óbitos. São 241 baianos que contraíram algum tipo gripe. Foram confirmados casos de A H1N1 em 49 municípios, entre os quais Itabuna, Eunápolis, Uruçuca, Feira de Santana, Vitória da Conquista e Salvador, que notificou 12 mortes causadas pela doença. Os demais óbitos ocorreram Apuarema, Camaçari, Irará, Lauro de Freitas, Retirolândia, Saúde, Sapeaçu, Serrinha, Uruçuca e Vitória da Conquista.

ANO PASSADO

Entre janeiro e os primeiros dias de junho do ano passado, foram notificados 327 casos de Síndrome Respiratória Aguda, com 26 óbitos. Dentre eles, 25 foram confirmados para Influenza, sendo dois casos de Influenza A H1N1. No período foi registrada nenhuma morte causada pela A H1N1. Com informações do Pimenta Blog

Comente pelo Facebook
COMPARTILHE