Enfermeira do Samu acusa médico de negar atendimento a idoso em hospital de Ilhéus; assista

Em um vídeo que circula nas redes sociais, uma enfermeira do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) acusa um médico do Hospital São José, em Ilhéus, no sul da Bahia, de negar atendimento a um idoso, que estava dentro de uma ambulância em frente à unidade de saúde. “Estamos aqui há aproximadamente 10 minutos, aqui na porta do Hospital São José, com um paciente que já teve sequelas de AVC, um idoso, e o médico, depois de alguns minutos, veio aqui na ambulância avaliar o paciente, e disse que não ia receber o paciente. O paciente está aqui na ambulância, 76 anos, com sequela de ACV, se queixando de dores, pressão alta. A família está toda aqui. A gente está aqui na porta do hospital, sem saber o que fazer com o paciente. O paciente correndo risco de vida aqui, e o médico se recusa a receber o paciente”, relatou a mulher nas imagens. Ao BNews, a Santa Casa de Misericórdia negou as acusações e disse que a enfermeira “fez uma coisa erradíssima e está sendo punida por isso”, mas n]ão soube informar qual a punição da profissional. Em nota pública, a Santa Casa explicou que o paciente foi atendido duas vezes pelo médico de plantão na ambulância estacionada em frente a Unidade de Urgência e Emergência e que o quadro clínico não tinha risco imediato de vida. “Após a avaliação, foi feito contato com o médico regulador do próprio Samu e, em comum acordo, o paciente foi transferido para o Hospital Costa do Cacau”. Já a secretária municipal de Saúde, Elizângela Oliveira, criticou a postura da enfermeira. Ela considerou antiético o fato de a profissional gravar imagens do paciente, quando deveria estar buscando providências para o atendimento reivindicado. A secretaria de saúde vai abrir uma sindicância para apurar o fato.

Comente pelo Facebook
COMPARTILHE