Wellington Camargo é preso em Goiânia por não pagar pensão alimentícia, diz polícia

Foto: Reprodução/TV Anhanguera

O cantor Wellington Camargo, irmão da dupla Zezé di Camargoe Luciano, foi preso, na terça-feira (29), por não pagar uma pensão alimentícia, em Goiânia. De acordo com a assessoria de imprensa da Polícia Civil, ele foi levado à Central de Flagrantes da corporação e, na sequência, foi encaminhado à Unidade Prisional de Senador Canedo, na Região Metropolitana da capital.

A assessoria do Wellington Camargo informou ao G1, por telefone, que “não tem nada a declarar” sobre a prisão do cantor. Wellington Camargo foi preso pela Polícia Militar na noite de terça-feira, no Jardim América, na região sul de Goiânia. O cantor se separou de Yara Silva em 2017. No registro do sistema da Polícia Civil, conforme informou a assessoria da corporação, consta que a prisão foi por dívida de uma pensão alimentícia, mas não revela a quem nem o valor. O Tribunal de Justiça de Goiás (TJ-GO) informou que não tem como se pronunciar sobre o assunto, pois casos desta natureza tramitam em sigilo. De acordo com a assessoria de imprensa da Diretoria Geral de Administração Penitenciária (DGAP), Wellignton seguia preso na unidade prisional de Senador Canedo até as 9h40 desta quarta-feira (30).

MÚSICA

Morando atualmente em Goiânia, Wellington diz que passa a maior parte do tempo viajando, dedicando-se à carreira musical, que ele iniciou após o sequestro, no fim de 1999. Wellington tornou-se compositor sertanejo, mas agora também é cantor gospel. Ele já lançou cinco CDs e vendeu mais de 3 milhões de cópias. Em um ano, somou mais de 180 apresentações pelo país. As informações são do G1

Comente pelo Facebook
COMPARTILHE