POLÍCIA CIVIL PEDE PRISÃO DE JOVEM SUSPEITO DE MATAR ESTILISTA EM ITABUNA
Vitor (à esquerda é acusado de matar o estilista|| Fotomontagem Pimenta

Vitor (à esquerda é acusado de matar o estilista|| Fotomontagem Pimenta

A Polícia Civil pediu, nesta quinta-feira (9), a prisão preventiva do principal suspeito de ter assassinado o estilista Mar Ramos, de 51 anos, morto no centro de Itabuna, na madrugada de quarta-feira (8) (relembre aqui). O acusado do crime é Bryan Vitor, de 18 anos, que sumiu antes do corpo da vítima ser encontrado no quarto de casa pela empregada doméstica. Vitor seria morador de Porto Seguro. A polícia apurou que Bryan Vitor morava na casa de Mar Ramos há 15 dias e teria usado, sem autorização, o cartão de crédito do estilista, o que resultou em discussão durante a noite do crime. Os dois teriam se conhecido, conforme a polícia, por meio das redes sociais.

Bryan é suspeito do crime

Bryan é suspeito do crime.

De acordo com as investigações, tudo indica que Mar Ramos foi morto com golpes de pá.  O equipamento, sujo de saque, foi levada para o Departamento de Polícia Técnica de Itabuna para ser periciado. O corpo do estilista foi achado na cama dele, com sinais de agressões no rosto e em outras partes da cabeça, além das mãos. O homem também é suspeito de levar roupas de marca, celular e anel de formatura da vítima. O corpo de Mar Ramos foi sepultado no Cemitério Campo Santo, em Itabuna, na manhã desta quinta-feira. O enterro foi acompanhado por centenas de pessoas, entre amigos e familiares. Com informações do Pimenta

Comente pelo Facebook
COMPARTILHE