Ilhéus Arquivo

VAI BOMBAR: Esquema de corrupção na prefeitura de Ilhéus será tema no Fantástico

O maior esquema de corrupção já revelado em Ilhéus será tema de reportagem do Fantástico, da Rede Globo. As investigações da promotoria ilheense e da Polícia Civil detectaram que empresas forneciam carne vencida há mais de dois anos para a merenda escolar na rede municipal de Ilhéus. Quem fez a revelação foi o promotor público Frank Ferrari em entrevista que vai ao ar no próximo domingo (14). A operação colocou na cadeia o vereador Jamil Ocké e Kácio Brandão, ambos ex-secretários de Desenvolvimento Social de Ilhéus no período 2013-2016, além do empresário Enoch Andrade. Outras três pessoas presas em março já estão em liberdade. De acordo com o MP, o esquema de corrupção movimentou em torno de R$ 20 milhões desde 2009 por meio de fraudes em procedimentos licitatórios. As investigações recaem sobre a prefeitura e a Câmara de Vereadores. Jamil, Kácio e Enoch continuam presos, preventivamente, no Presídio Ariston Cardoso, em Ilhéus. São apontados como os líderes do esquema, de acordo com investigação do MP.

Assista!

LUTO: More em Ilhéus o ex-secretário de Assistência Social Augusto Macêdo

Augusto Macedo faleceu no Hospital São José I Foto: Reprodução

Augusto Macêdo, ex-secretário de Assistência Social no Governo Newton Lima, faleceu nesta quarta-feira (10), no Hospital São José, em Ilhéus, vítima de problemas cardíacos.  Augusto sentiu-se mal, nesta terça, e apresentava dificuldades para respirar. Ele foi levado para o Hospital São José, onde faleceu momentos depois. Oriundo dos movimentos progressistas em Ilhéus e ex-filiado ao PCdoB, Augusto foi ex-secretário de Assistência Social de Ilhéus e assessor parlamentar da deputada Ângela Sousa. No início do ano passado, Macêdo apresentou quadro grave de saúde. Era portador de cardiomiopatia dilatada, de grau 4, ele necessitava ser submetido a um transplante de coração. Com informações do Pimenta

 

Homem invade velório de suspeito de matar PM em Ilhéus, atira no defunto e deixa bilhete

Danilo foi preso suspeito de envolvimento no assassinato do PM Tyrone Thomaz

Um homem invadiu o velório de um suspeito de envolvimento na morte do policial militar Tyrone Thomaz de Aquino Araújo, e atirou no caixão onde o corpo dele estava, em Ilhéus. Segundo informações da Polícia Civil, Danilo José Silva dos Santos, mais conhecido como Gago, de 22 anos, era velado na noite de terça-feira (25), quando o integrante de um grupo rival invadiu a cerimônia, assustou familiares e ainda deixou um bilhete com uma ameaça para a família dele. O jovem foi morto a tiros pouco tempo depois de depor sobre a morte do policial militar, na segunda-feira (24). De acordo com a polícia, ele foi surpreendido por homens armados no caminho para casa. Durante o ataque, a mulher dele também foi baleada e ficou ferida. Não há informações sobre o estado de saúde dela. Ninguém foi preso suspeito do assassinato de Danilo.

Bilhete teria sido deixado por um integrante do grupo rival do defunto.

O crime é investigado. De acordo com a delegada Andréia Oliveira, que investiga o assassinato do policial militar, no bilhete deixado para a família de Danilo, o criminoso “ordenou” que o corpo do suspeito fosse retirado da igreja onde era realizada a cerimônia, no bairro Teotônio Vilela, para que “algo pior não acontecesse”.Segundo a delegada, o bairro é comandado por uma quadrilha que é rival à que Danilo pertencia e os integrantes do grupo não aceitaram que o corpo dele fosse velado lá. Após o ataque, conforme a delegada, o velório foi suspenso e o caixão foi levado de volta para a funerária. O suspeito do ataque fugiu. O tiro disparado pelo criminoso atingiu o corpo de Danilo, na altura do queixo. A polícia informou que ele foi enterrado sob escolta policial na manhã desta quarta-feira (26), no Cemitério São João Batista, em outro bairro de Ilhéus. De acordo com a delegada Andréia Oliveira, a escolta foi feita para garantir a segurança da família de Danilo. Durante a cerimônia, nenhum novo ataque foi registrado. (Redação/Fotos: G1)

Bebeto Gãvão: Reformas não são legítimas nem sérias

Bebeto condena reformas propostas por Temer.

O PSB na Bahia comemorou a decisão da Executiva Nacional de fechar questão contra as reformas propostas pelo governo de Michel Temer. Em reunião nesta segunda-feira (24), o PSB ratificou por 20 votos a 7 a posição do partido contra a reforma trabalhista e aprovou por 21 votos a 2 a posição contra a reforma da Previdência. A presidente do partido na Bahia, senadora Lídice da Mata, considerou a postura como um reencontro dos socialistas com sua história e suas origens. Lídice considerou também que este é um retorno do partido às ruas, de onde nunca deveria ter saído, segundo o Bahia Notícias. Em vídeo, o deputado federal Bebeto Galvão disse que as reformas não são legítimas nem sérias. “São medidas feitas para agradar o mercado”, afirmou.

Muro de Cemitério é derrubado em Ilhéus

“Depois de reconstruída parte do muro antigo, alguém vem derrubando o restante do equipamento público municipal ali instalado”. Dessa forma definiu o superintendente de Obras (Suob), órgão ligado à secretaria municipal de Infraestrutura, Transporte e Trânsito (Seintra), Rafael Castro Lima, quando se deparou com a cena, que, de acordo com ele, mais parecia um ato de vandalismo prejudicial à população que circula nas proximidades do Cemitério São João Batista, no bairro Nelson Costa, em Ilhéus. Há algumas semanas, a Prefeitura começou a reforma da parte do muro que havia caído no Cemitério em virtude das fortes chuvas registradas na cidade. Como objetivo de acelerar a obra, o serviço realizado apenas no trecho danificado foi concluído e entregue à comunidade. Porém, nesta segunda-feira (24), a Suob constatou que outro trecho do antigo muro de proteção, localizado no fundo da Avenida Nossa Senhora Aparecida, foi derrubado. A ocorrência já foi registrada, acionando o caso junto ao Pelotão Especial (PETO) da 69ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), responsável pela segurança na zona sul do município. Com informações do Varela Noticias

Ilhéus: Acusado de participação na morte de PM é assassinado após ser liberado de delegacia

Um dos homens presos acusados de matar na madrugada de domingo (23) o policial militar Tyrone Thomaz, foi morto na noite dessa segunda-feira (24), após ser liberado da delegacia de Ilhéus. Segundo o blog do Fábio Roberto, Danilo José da Silva foi executado com vários tiros por volta das 22hs, na Avenida Princesa Isabel, em Ilhéus. Danilo estava no interior de um táxi e seguia em direção à residência na Morada do Porto, quando o veículo foi interceptado por homens fortemente armados, que o obrigaram a descer do carro e deflagaram mais de 10 disparos. Os outros dois presos na operação continuam custodiados no Complexo Policial de Ilhéus. Segundo um dos suspeitos, a morte do policial teria sido encomendada por um detento do Conjunto Penal de Itabuna pelo valor de R$ 2 mil e um quilo de maconha. A motivação do crime não foi informada pela polícia.

Morre segundo envolvido na morte de PM em Ilhéus

O clima na cidade de Ilhéus continua quente após a morte de um Policial Militar bastante conhecido na cidade. O soldado Tyrone Thomaz de Aquino Soares, de 44 anos, foi morto  por quatro homens que chegaram de carro em uma lanchonete na Rua Gardênia, bairro Nelson Costa, onde o PM estava. Os tiros foram dados pelas costas da vítima. Tyrone estava de folga e era lotado na 68ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM). O crime aconteceu na madrugada deste domingo (23) (veja aqui). Logo após a morte do PM, um dos envolvidos foi morto em confronto com a polícia no bairro Nossa Senhora da Vitória. ‘Cascão’ chegou a ser socorrido, mas não resistiu e morreu (veja aqui). Com ele a PM apreendeu um revólver calibre 32, maconha e dinheiro. Informações que chegam a redação do UBAITABA URGENTE, é que o segundo participante da morte do PM também morreu em confronto no final da tarde de hoje, no bairro Nossa Senhora da Vitória, porém seu nome não foi divulgado. A operação da polícia continua na cidade de Ilhéus. (Redação: Jackson Cristiano/Ubaitaba Urgente)

Suspeito de matar PM em Ilhéus é morto após troca de tiros com a polícia

Fotos: Reprodução / FR Notícias

Policiais militares do Pelotão Especial (Peto), em Ilhéus, realizaram uma operação conjunta em busca dos assassinos do soldado Tyrone Thomaz de Aquino, de 44 anos, lotado na 68ª CIPM, morto na madrugada deste domingo (23) (veja aqui). Durante incursão no bairro Nossa Senhora da Vitória, os policiais foram recebidos a tiros, pelos suspeitos do crime. 

Fotos: Reprodução / FR Notícias

Durante tiroteio, no condomínio Vitória 2, um homem foi baleado, identificado apenas como Cascão. O suspeito foi socorrido pelos militares, mas não resistiu aos ferimentos antes mesmo de chegar ao hospital. Com ele, foi encontrado um revólver calibre 32, maconha e dinheiro. Com informações do Bocão News

Assaltante baleado no centro de Ilhéus está em estado grave no Regional

Foto: Reprodução/Fabio Roberto

Um jovem desconhecido foi baleado por um ‘guarda municipal’ após ter cometido uma sequência de assaltos no centro da cidade de Ilhéus. O fato aconteceu no início da tarde desta sexta-feira (21). Segundo o radialista Fabio Roberto, populares revoltados com a ousadia do meliante ainda tentaram lhe agredir fisicamente, mas foram impedidos pela Polícia Militar. O SAMU foi acionado e conduziu o meliante para o hospital Regional. Segundo informações, o estado de saúde do elemento é grave. (Redação: Jackson Cristiano/Ubaitaba Urgente)

Ilhéus: Secretaria de Cultura está há 100 dias sem secretário

Mário Alexandre (PSD) I Foto: Reprodução

Ou está com dificuldade de indicações política ou está na fase de análise de currículos. O certo é que a cidade de Ilhéus está há 100 dias sem secretário de Cultura. De acordo com o blog IPolítica, o prefeito Mário Alexandre (PSD), ainda não procedeu com a nomeação de ninguém para o setor. Ainda de acordo com o site, no município o nome de o nome do agitador cultural Pawlo Cidade está sendo ventilado para a pasta, mas sem nenhuma previsão da batida do martelo.

Ilhéus: Ex produtora de ‘Moreno no Kaprixxo’ comete suicídio

Sarah Padovezi I Foto: Reprodução/Facebook

A produtora musical Sarah Padovezi, 28, que produzia os shows de ‘Moreno no Kaprixxo’, cometeu suicídio na manhã desta segunda dia (17), na cidade de Ilhéus. Segundo o blog Ilhéus em Resumo, Sarah vinha enfrentando problemas conjugais e havia feito até postagens no Facebook indignadas com os problemas. Na noite deste domingo (16), a jovem postou fotos em seu Facebook afirmando que a Sarah que os amigos conheciam estava morta e que nem ela mesma se reconhecia. Sarah Padovezi ingeriu uma alta dose de chumbinho, passou mal em sua residencia no bairro Savoia, foi levada para o hospital ,mas não resistiu e morreu. (Redação: Jackson Cristiano/Ubaitaba

Ilhéus: Luto na Polícia Civil da Bahia, morre a delegada Lícia Vieira

Foto: Reprodução/Facebook

A delegada Lícia Vieira de Santana, da Polícia Civil em Ilhéus, faleceu na manhã deste sábado (15), no Hospital Calixto Midlej Filho, em Itabuna. De acordo com colegas, Lícia foi internada com suspeita de infecção bacteriana, há alguns dias. A delegada não resistiu e faleceu por volta das 6h30min de hoje, no hospital de Itabuna. Velório e enterro ocorrerão no município de Ibirapitanga. Lícia também atuou em Itabuna.

Polícia rodoviária apreende 1 kg de pasta base de cocaína na rodovia Itabuna-Ilhéus

Um homem foi preso com 1 quilo de pasta base de cocaína, hoje (14), na base do Tático Ostensivo Rodoviário (TOR), no quilômetro 22 da Rodovia Ilhéus-Itabuna. De acordo com a Polícia Militar, o homem foi identificado como Thales Uilliam Silva Santos, de 24 anos. Segundo a polícia, Thales Uilliam reside na Conquista, em Ilhéus, e levava, ainda, R$ 190,00 em espécie. A polícia também apreendeu uma moto Honda CG 125 fan, preta, em nome de outra pessoa. Thales foi encaminhado para o plantão central da Polícia Civil em Ilhéus. *Blog do Pimenta

Acidente deixa três feridos e causa interdição parcial de pista por duas horas na Bahia

Acidente envolvendo dois carros, entre eles um táxi, deixou três pessoas feridas na manhã desta quinta-feira (13), na BR-415, entre as cidades de Itabuna e Ilhéus, no sul da Bahia. De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), uma das vítimas ficou presa nas ferragens e foi socorrida pelo Samu. Segundo a PRF, os carros bateram de frente no momento em que passavam na rodovia, por volta das 10h. Com o impacto, os veículos ficaram destruídos e a pista ficou parcialmente interditada por cerca de 2 horas. Após a retirada dos carros da rodovia, por volta das 12h, o fluxo passou a fluir. Conforme a PRF, os feridos foram levados para um hospital em Itabuna. Não há informações sobre o estado de saúde deles e nem sobre o que provocou o acidente. (G1)

Temendo ser preso na Citrus, vereador de Ilhéus pede habeas corpus preventivo

Fotos: Chico Andrade/Reprodução

O vereador de Ilhéus, Tarcísio Santos da Paixão (PP), entrou com um pedido de habeas corpus preventivo temendo ser preso na operação Citrus, na qual o legislador é investigado. A operação foi deflagrada pelo Ministério Público Estadual no mês passado, quando prendeu seis pessoas acusadas de integrarem um esquema criminoso que praticava fraudes e superfaturamento em procedimentos licitatórios e contratos realizados pela prefeitura municipal de Ilhéus. Três investigados já foram soltos e outros três tiveram a prisão temporária convertida em preventiva: o verador Jamil Ocké; o empresário Enoch Andrade Silva; e o ex-secretário Kácio Clay Silva Brandão. Apesar da tentativa de se proteger de uma eventual prisão, o vereador Tarcísio Paixão viu sua tentativa frustrada junto ao Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA). O relator e desembargador Abelardo Paulo da Matta Neto, integrante da Primeira Câmara Criminal da Segunda Turma do Judiciário, indeferiu o pedido liminar. No pedido do habeas corpus preventivo, o vereador se diz “ilegitimamente ameaçado em sua liberdade” por decisão da 1ª Vara Criminal da Comarca de Ilhéus, onde a operação Citrus foi deflagrada. A defesa do legislador argumenta que uma eventual prisão “não se justificaria, haja vista que ausentes quaisquer das hipóteses que a podem servir de lastro, mormente por se cuidar de pessoa de ilibada conduta, sem antecedentes criminais ou qualquer mácula capaz de tornar presumível a necessidade do recolhimento para alguma de suas finalidades”. No entanto, o magistrado do TJ-BA responsável por decidir sobre o pedido afirmou que, em sua análise, não há elemento que permita a constatação de fatos suficientes para deferimento da liminar solicitada. Logo após a deflagração da operação Citrus, o vereador usou a tribuna da Câmara da cidade para negar que fosse um dos alvos da investigação. “Nós estamos objetivados no sentido de colaborar com as investigações. Durante o tempo que tivemos na Previdência, que foi de 2015 a 2016, todas as empresas que prestaram serviço à Casa foram contratadas por meio de processo licitatório, dentro da legalidade, cumprindo todo rito que a lei manda”, disse Tarcísio, conforme publicação do blog Chico Andrade. (Redação: Aparecido Silva)