Aurelino Leal: Vereadores querem “proibir” atendimento médico para o povo de Ubaitaba
OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Foto: Aurelino Leal Alerta.

Depois de várias tentativas junto à diretoria do Hospital de Ubaitaba para  que o mesmo mantenha médicos em seus plantões diários para não sobrecarregar o atendimento no Hospital  de Aurelino Leal,  além de apelar para os  Vereadores de Ubaitaba para que  intervissem  na questão e  sem nenhuma  resposta, o Presidente da Câmara de Aurelino Leal, Ricardo Carneiro acionou o Departamento Jurídico para elaborar um documento proibindo o atendimento médico às pessoas de Ubaitaba, que  necessitem dos serviços do Hospital de Aurelino Leal. A Ação Administrativa tem como objetivo evitar que o hospital local não venha fechar as suas portas devido a grande demanda no atendimento de pacientes de outras localidades.  Segundo o vereador, com uma receita de apenas 80 mil mensais,  e com um grande numero de atendimento médico, a prefeitura é obrigada a injetar recursos na ordem de 70 mil  de outros setores para viabilizar os serviços.  De acordo com o edil, essa ação também pretende  despertar  na população da cidade vizinha um movimento de protesto   para  cobrar das autoridades governistas e do Conselho Municipal de Saúde, providências para que o Hospital de Ubaitaba volte a funcionar com seus plantões normais  para atender  a  sua comunidade. A ação tem o aval da prefeita Elisângela Ramos de Andrade Garcia. Leia matéria completa no Aurelino Leal Alerta.

COMPARTILHE