Bahia: Polícia identifica dois suspeitos pela morte de servidora da Ufba em assalto
Selma Barbosa, 53 anos, coordenava o Laboratório de Vídeo da Faculdade de Comunicação

Selma Barbosa, 53 anos, coordenava o Laboratório de Vídeo da Faculdade de Comunicação

O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) já identificou os dois suspeitos de matar a jornalista Selma Barbosa Alves, 53 anos, na noite de domingo, no Costa Azul. Segundo informou uma fonte da Polícia ao CORREIO, um dos suspeitos já havia cumprido pena – o motivo da prisão não foi informado. Selma foi baleada após parar o carro para deixar uma amiga em casa, na rua Arthur de Azevedo Machado. Ela teve o veículo fechado por um Celta preto, de onde desceu um homem armado, que atirou em sua cabeça, retirou o corpo do carro, um Punto, e fugiu com o comparsa. Selma, que coordenava o Laboratório de Vídeo da Faculdade de Comunicação da Ufba (Facom), onde trabalhava há mais de 20 anos, costumava frequentar o  centro espírita aos domingos. Mas, dessa vez, havia passado a noite em casa, nas imediações do Centro de Convenções, estudando com uma colega do curso de Pós Graduação em Gestão de Processos Universitários, da Ufba. Fonte: Correio.

COMPARTILHE