Camacan: Criança morre e pai fica gravemente ferido em acidente na BR-101
geladeira

O garoto estava viajando em uma cadeira no banco traseiro quando o acidente aconteceu l Foto: PRF

O professor de Capoeira, Antonio Carlos Souza dos Santos, (Geladeira), 40 anos, sofreu grave acidente por volta das 10h30 desta sexta-feira (30), no km-554 da BR-101, quando seguia em direção ao município de Itabuna. Seu filho, Felipe Oliveira, que completou 8 anos, nesta quinta-feira dia 28, morreu momentos após a colisão. O garoto estava viajando em uma cadeira para criança, no banco traseiro do táxi quando o acidente aconteceu. Segundo informações do site O Tempo Jornalismo, o professor que também é taxista, teve uma perna e um braço quebrado, além de outros ferimentos, pois o motor do veículo que ele conduzia, foi parar no para-brisa, por conta do impacto.

acidente_1_2

Chovia muito no momento do acidente l Foto: PRF

O veículo ficou com a frente completamente destruída. De acordo com Carlos Luede da Polícia Rodoviária Federal (PRF), um veículo Amarok, placas RJF-8071, de Santo Antonio de Jesus, que vinha em sentido Camacan, perdeu a direção, e bateu com o táxi do professor, provocando a colisão frontal. Chovia muito no momento do acidente, o que provavelmente possa ter contribuído para o motorista da picape perder a direção. Após o acidente as vítimas foram conduzidas para o Hospital de Base em Itabuna. Familiares e amigos, estão inconsoláveis com a perda prematura do garoto Felipe. O corpo do garoto foi encaminhado para necropsia no Departamento de Polícia Técnica de Itabuna (DPT). “Geladeira” continua internado e seu estado de saúde é estável.

COMPARTILHE