Fraudes em verbas da educação deixa três presos em Medeiros Neto

001

Uma operação conjunta da Polícia Federal com o Ministério Público Federal cumpriu três mandados de prisão e outros quatro de condução coercitiva na manhã desta terça-feira (8) em Medeiros Neto, no extremo sul da Bahia. As autoridades apuravam uma denúncia de fraude na aplicação de verbas do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). A suspeita é de que servidores municipais pediam ressarcimento de gratificações da educação incluídas no contracheque de profissionais do setor. Os nomes dos detidos e alvos de conduções coercitivas não foram divulgados. As fraudes ocorreram, de acordo com a PF, entre os anos de 2013 e 2015. De acordo com o site O Povo News, ainda foram cumpridos nove mandados de busca e apreensão durante a operação.

COMPARTILHE