POLÍCIA MILITAR ENTREGA DONATIVOS PARA 275 FAMÍLIAS CARENTES EM SALVADOR E VITÓRIA DA CONQUISTA
Fotos: Divulgação/SSP-BA

Fotos: Divulgação/SSP-BA

A atenção e a solidariedade dada às famílias mais vulneráveis de Salvador e de Vitória da Conquista, durante o período da pandemia do Covid-19 (novo Coronavírus), se intensificaram após a entrega de 275 cestas básicas, através de ações das Bases Comunitárias de Segurança (BCS’s) Nova Cidade e Calabar na terça-feira (21) e quarta (22), respectivamente. Duzentas cestas básicas abasteceram os lares de famílias das comunidades do Calabar, Alto das Pombas e do Vale da Muriçoca na capital baiana.

Entregues com o apoio da BCS Calabar por representantes do ‘Grupo Comboio da Esperança’ durante toda quarta, os moradores que buscaram ajuda da base foram contemplados. A comandante da unidade, capitã Aline Muniz, explicou que o contato diário com os moradores ajuda na seleção dos ofertados. “Desta vez, além de deixarmos os alimentos com as pessoas em que já tínhamos listadas, contamos com a colaboração de representantes da Associação de Moradores do Vale da Muriçoca”, contou, lembrando que “mais 150 cestas básicas ainda serão entregues pela unidade”.

Já em Conquista, as famílias do bairro das Pedrinhas foram beneficiadas com 75 cestas básicas entregues pela BCS Nova Cidade, após o contato com população e representantes da Igreja Batista Nova Sião. O esquema de entregas foi montado conforme as orientações dadas pelas autoridades de saúde, evitando a transmissão do vírus. “Assim que eles nos procuraram, providenciamos listar as famílias que sabíamos que precisavam.

Levamos os donativos na porta das casas, evitando qualquer tipo de aglomeração”, contou a comandante da unidade de polícia comunitária, capitã Valdomira Conceição. A oficial ainda comentou sobre a gratidão que sente ao se colocar no lugar do próximo. “Sabemos que é um período de mudanças e precisamos nos adaptar. Essas famílias dependem da luta diária para sobreviver e o pouco que fazemos, com certeza, já é uma ajuda importante”, concluiu. No total, as duas unidades somam, hoje, mais de 900 cestas básicas entregues à população mais carente.

COMPARTILHE