Salvador: “Médica assassina” deixa hospital e vai direto pro xadrez

JRS_0272(1)

A médica Kátia Vargas Leal, de 45 anos, deixou o Hospital Aliança na manhã desta quinta-feira (17), onde estava internada desde a última sexta. Assim que saiu da unidade, foi possível perceber o susto que Kátia levou ao perceber a presença da imprensa no local. Ela seguiu para o Complexo Penitenciário de Mata Escura e deve prestar depoimento ainda hoje. Segundo informações do repórter Alessandro Isabel, que esteve no local, houve confusão e jornalistas foram empurrados. Os policiais cogitaram colocar a acusada no camburão da viatura, mas foi impossível por conta do número de curiosos. Ao chegar no presídio feminino acompanhada dos advogados, da delegada Jussara Souza e do delegado de defesa da família dos jovens, Daniel Keller, além do promotor David Gallo, a médica Kátia Vargas, acusada de ter matado os irmãos Emanuel e Emanuele na última sexta-feira (11), não falou sobre o caso. Em depoimento, no ual ela tem o direito de falar ou permanecer calada, “ela não disse nada sobre o assunto. Disse apenas que só irá falar perante o juiz”,(Bocão News).

COMPARTILHE