BRASIL: DELEGADO DIZ QUE MORTE DE CHORÃO, “APARENTEMENTE NÃO FOI HOMICÍDIO”
“Corpo de Chorão foi encontrado caído no chão”.  (Foto: Reprodução/ Rede Record)

“Corpo de Chorão foi encontrado caído no chão”. (Foto:Rede Record)

Do Correio

O delegado Itagiba Franco afirmou que o cantor Alexandre Magno Abrão, 42, conhecido como Chorão, vocalista da banda Charlie Brown Jr., não parece ter sido assassinado. “Não vou descartar nada, mas aparentemente não se trata de homicídio. Mas vamos apurar”, disse Franco, do DHPP (Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa). O caso será investigado pela delegacia especializada. Ainda de acordo com o delegado, a equipe da banda tentava localizar Chorão, sem sucesso, desde as 12h de ontem. Na madrugada de hoje, um segurança e o motorista do cantor foram até seu apartamento, em Pinheiros, na zona oeste da capital paulista, onde encontraram o corpo caído no chão da cozinha. Franco ainda afirmou que, segundo relato de pessoas próximas ao vocalista, Chorão passava por um período de desgaste e depressão devido à separação da mulher. A Polícia Civil foi ao local para realizar o trabalho de perícia. O corpo foi encontrado sem marcas aparentes.

O apartamento estava completamente revirado (Foto: Rede Record)

O apartamento estava completamente revirado.  (Foto: Rede Record)

COMPARTILHE