FÁTIMA BERNARDES REVELA REAL MOTIVO DE TER DEIXADO O “JORNAL NACIONAL”
Fátima Bernardes concedeu uma entrevista ao "Conversa com Bial"

Fátima Bernardes concedeu uma entrevista ao “Conversa com Bial”.

Fátima Bernardes concedeu uma entrevista ao “Conversa com Bial” na sexta-feira, 16. Durante o papo, a apresentadora revelou o real motivo de ter deixado o “Jornal Nacional”.

“Eu sofro de uma coisa chamada ansiedade. Eu sou muito preocupada com acomodação. Eu pensei: estou numa posição muito desejada, a que mais sonhei. Será que daqui a 10 anos vou continuar com meu olho brilhando? Eu fiz de tudo que eu podia no ‘JN’. Será que eu vou fazer mais o quê? O que me tirou da bancada foi uma inquietação com o que viria daqui a alguns anos. Eu não queria não dar um sorriso verdadeiro”, desabafou Fátima Bernardes .

“Eu comecei a criar uma crise de ansiedade. Nesse dia, tinha um horário eleitoral, um bloco a mais, eu falei que não ia dar conta. Eu comecei a passar mal. Eu arriei na bancada. Depois disso, tive outras vezes. Eu não dava mais o meu melhor. Era mais fácil dizer isso do que dizer que não queria mais fazer. Eu meio que desenvolvi essa crise, tratei como labirintite. O William identificou como crise de ansiedade dois anos depois”, acrescentou ela.

Apesar de ter deixado a bancada do “JN”, por muito tempo o cargo foi um sonho para Fátima Bernardes. “Virou um sonho a partir do momento em que vi a Lilian Witte Fibe sentar ali pela primeira vez. É engraçado como a representatividade é importante. Eu só via homens fazendo aquilo. No dia que vi a Lílian sentando, falei “então pode, né?”, ai passou a ser um desejo”, .

COMPARTILHE