Itacaré: Ex-ministro da Casa Civil José Dirceu, condenado à prisão, deixou município às pressas na madrugada desta quinta-feira.

jd

O ex-ministro da Casa Civil José Dirceu, condenado à prisão pelo STF, deixou Itacaré, no sul da Bahia, na madrugada desta quinta-feira. O petista passou três dias em um resort de luxo, onde pretendia ficar até domingo. Ele retornou para São Paulo horas depois do Supremo Tribunal Federal confirmar a condenação e determinar a prisão imediata de 13 dos condenados no processo do Mensalão.

Entre os 13 está José Dirceu, considerado pelo STF como o chege da quadrilha do Mensalão, e o ex-presidente do PT, José Genoíno. Ambos devem cumprir pena em regime semiaberto até o julgamento de outra condenação.

 Os ministros do Supremo Tribunal Federal ficaram de definir como será a execução das prisões dos condenados. Dirceu foi condenado a 10 anos e 10 meses de prisão e vai ter que dormir todo dia na cadeia.

 

Ele ainda vai esperar o julgamento de embargos infringentes sobre uma parte da condenação, de chefe de quadrilha, que só de ve acontecer no ano que vem. Caso perca o recurso, será preso em regime fechado.

 

Os mandados de prisão devem ser expedidos na próxima semana.

COMPARTILHE