Prefeitura de Maracás processa IBGE por recontagem da população
Foto: Reprodução / Blog do Marcos Frahm

Foto: Reprodução / Blog do Marcos Frahm

A Prefeitura de Maracás ingressou com uma ação na Justiça para cobrar a recontagem da população pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). De acordo com o Blog Marcos Frahm, o prefeito Paulo dos Anjos (PT) questionou o número divulgado, apontando que a população do município encolheu entre 2013 e 2015.

No censo anterior, a população de Maracás era de 24.491 habitantes, mas teria sido reduzida para 23.751 em dois anos. O decréscimo populacional levou a prefeitura a perder cerca de R$ 230 mil em receitas, o que segundo o gestor “inviabiliza o curso normal da administração”. Para o prefeito, o censo populacional não pesquisou todo o município.

“Maracás é um dos municípios do Vale do Jiquiriçá com maior extensão territorial, uma zona rural muito grande, um elevado número de moradores vivendo em comunidades rurais, bem como em fazendas e sítios”, conjecturou. Se nós ganhamos mais 10 territórios. Quer dizer que quando o município passa a ganhar território e mais habitantes e o IBGE diminui a população de Maracás?”, contesta.

Segundo Paulo dos Anjos, uma audiência foi marcada para o dia 21 de janeiro na Justiça Federal, mas o IBGE teria informado que passaria um esclarecimento por escrito. ”A Justiça quer ouvir o IBGE e eu dependo primeiro de Deus e depois da Justiça, para que possa julgar esse processo. A recontagem só pode ser feita em 2020, o que nós estamos pedindo é que fique nos 25 mil habitantes até que tenha uma nova contagem porque isso não é justo”, reclamou.

COMPARTILHE