BAHIA – 47 PRÉ-CANDIDATOS PODEM SER BARRADOS POR ILEGALIDADE

47 pré-candidatos podem ser barrados por ilegalidade com propaganda antecipada, enquadrados no artigo 36 da Lei 9.504/97.

Os espertos estão na mira do Ministério Público Eleitoral. De acordo com a promotora Cinthia Portela Lopes, que responde por Itabuna, Jussari e Itapé, não só o beneficiado pela divulgação responde pelo delito, mas também o dono do veículo flagrado com o anúncio e a gráfica que fez. Segundo o blog Pimenta, além dos 47 processos em andamento em Itabuna, tramitam no Ministério Público Eleitoral denúncias de propaganda eleitoral antecipada também em Itapé e Jussari.  O gerente de uma loja em Itabuna foi o primeiro a ser condenado pela justiça eleitoral por causa de campanha antecipada. O esperto foi multado em R$ 10 mil pelo juiz Wilson Gomes de Souza Júnior.

COMPARTILHE