BAHIA – GGB QUER AÇÃO CONTRA ASSASSINATOS DE HOMOSSEXUAIS

A comunidade homossexual representa 10% da população baiana

A Bahia é o estado campeão de crimes contra os homossexuais. De acordo com nota divulgada pelo Grupo Gay da Bahia, só este ano foram seis assassinatos, todos, segundo o grupo, relacionados à homofobia. Das seis mortes registradas no inicio deste ano, quatro foram em Salvador. Segundo a entidade, foram assassinados duas lésbicas, um travesti e um gay. Os dois crimes mais recentes ocorreram na última quinta-feira.

Um deles, em Barreiras, vitimou um gay de 37 anos. Ele foi apedrejado, assassinado e teve seu corpo jogado em um rio. Em Itororó, outro gay, de 19 anos, foi morto a tiros na porta de sua casa. Na nota, o Grupo Gay diz que a comunidade homossexual, que representa 10% da população baiana pelas contas do próprio grupo, “está em pânico” e não suporta mais o clima de insegurança.

A entidade pede ações radicais de controle da homofobia e ameaça denunciar o governo baiano à Organização dos Estados Americanos, caso não haja iniciativas para melhorar o quadro.  Não há relatório da polícia indicando que todos os crimes foram motivados por homofobia.

(A Região)

Comente pelo Facebook
COMPARTILHE