BAHIA – RADIALISTA MORTO EM SIMÕES FILHO RECEBIA AMEAÇAS, DIZ POLÍCIA.

Testemunhas disseram ainda que o homem chegou atirando contra o radialista, que correu para dentro da casa de um amigo

radialista assassinado nesta terça-feira (3), na localidade de Jardim Renatão, em Simões Filho, região metropolitana de Salvador, recebia ameaças de morte, segundo informações da polícia. “Após as apurações iniciais verificamos que ele pretendia se candidatar a vereador e tinha projetos na comunidade local, o que despertou a ira de traficantes. Familiares relataram que ele vinha recebendo ameaças, mas não acionou a polícia”, diz o delegado Antônio Fernando Soares do Carmo, titular da 22ª DT de Simões Filho.

De acordo com o delegado, testemunhas relataram que a vítima recebeu um telefonema e logo em seguida uma pessoa chegou atirando. “A ligação será encaminhada para a perícia avaliar. As pessoas estão com muito medo, mas a comoção é grande então a ajuda é maior. Já identificamos um suspeito, que é traficante da região, e buscas estão sendo realizadas”, pontua Antônio Fernando Soares do Carmo.

Testemunhas disseram ainda que o homem chegou atirando contra o radialista, que correu para dentro da casa de um amigo e caiu na cozinha. O radialista foi atingido por três disparos, sendo dois no pescoço e um nas costas, segundo a polícia.

(G1)

COMPARTILHE