DÁRIO MEIRA: PREFEITO TEM CONTAS REJEITADAS POR IRREGULARIDADES EM PRESTAÇÃO DE CONTAS

O prefeito de Dário Meira, no sudoeste, William Almeida Sena, teve as contas de 2018 rejeitadas em sessão desta quinta-feira (28) do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM-BA). Por isso, Sena terá de arcar com R$ 46 mil em multas – R$ 10 mil devido a irregularidades na prestação de contas e R$ 36 mil pela não redução da despesa com pessoal. Segundo a Corte de Contas, o gestor fez despesas sem comprovar a execução dos serviços contratados com a empresa Planetário Serviços, Logística, Transportes e Turismo no total de R$ 335,7 mil. Esta quantia deve ser devolvida pelo gestor. Já os gastos com pessoal em 2018 chegou a R$ 20,2 mil, o que representou 66,75% da receita corrente líquida, extrapolando o limite máximo de 54% estabelecido pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). Ainda cabe recurso da decisão. Ainda cabe recurso da decisão. (Informações: Bahia Notícias)

Comente pelo Facebook
COMPARTILHE