Geddel alfineta ACM Neto e critica atual modelo de debate

Em conversa com a imprensa após o primeiro debate entre os candidatos a prefeito de Salvador, o ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB) criticou o formato do evento televisivo. “A primeira avaliação é que esse tipo de debate, com seis candidatos, termina engessado.Há que se ter criatividade para buscar outras formas de realização do debate”, afirmou o vice-presidente de Pessoa Jurídica da Caixa. Além de levantar questionamentos sobre o atual formato dos debates.

Geddel alfinetou o democrata ACM Neto, em função de uma declaração sua durante a discussão de ideias. “Teve candidato dizendo que iria colocar o Pelourinho sob a administração da prefeitura”, comentou. Segundo o peemedebista, tal proposta demonstraria desconhecimento da realidade da prefeitura em termos financeiros.

Em relação à pesquisa que será divulgada nesta sexta-feira (3), Geddel declarou não acreditar em uma grande mudança em relação ao que foi observado em levantamentos anteriores, que apontam Neto na liderança. No entanto, o ex-ministro apostou em um crescimento de Kertész, cujo desempenho elogiou. “Acho que o nosso candidato começou menos empolgado do que esperávamos, mas depois fez valer toda a sua capacidade e experiência”, avaliou.

(Bahia Noticias)

COMPARTILHE