IBIRAPUÃ – VEREADOR TORTURA E RASPA A CABEÇA DA PRÓPRIA ESPOSA

Após agredir barbaramente a esposa e depilar sua cabeça e sobrancelhas, o vereador Anderson Amaral (foto) desapareceu da região

Um dos mais famosos narradores de rodeio do país e vereador de terceiro mandato pelo município de Ibirapuã, onde reside, Anderson Moreira Amaral (PSB), está sendo acusado de um crime repugnante diante das sanções previstas pela Lei Maria da Penha.

Na noite desta última quarta-feira (16/05), após ter participado da sessão plenária da Câmara Municipal, ele chegou à sua casa na Rua Ruy Barbosa nº 115, no centro da cidade de Ibirapuã e passou a torturar com violência a sua própria esposa, cuja crucificação segundo a vítima, durou das 20h às 23h20.

A vítima conta que o vereador Anderson Amaral, que nunca antes havia viajado com ela para passear, teria lhe levado para um passeio em Porto Seguro no final de semana do dia das mães e a intenção era matá-la, mas não conseguiu concretizar o plano, cujo plano dele só foi revelado a ela, no momento que torturava a esposa.

O motivo teria sido a suspeita de uma traição da companheira, que tivera uma relação sexual extraconjugal no inicio do mês de março, cujos boatos se espalharam na ocasião na cidade, mas só agora, o marido quis se vingar da mulher.

O caso está sendo apurado na Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher de Teixeira de Freitas, onde a delegada Kátia Guimarães ainda nesta quinta-feira (17/05), expediu guia de lesões corporais e no mesmo dia, a vítima Jamile Alves Lima, 22 anos, se queixando de fortes dores no corpo e sem os cabelos, foi submetida ao exame de corpo delito no Instituto Médico Legal do Departamento de Polícia Técnica de Teixeira de Freitas. Fonte: Teixeira News.

COMPARTILHE