ILHÉUS: COLÉGIO SUSPENDE AULAS APÓS DESCOBRIR QUE FUNCIONÁRIA PARTICIPOU DE EVENTO NO TXAI
A escola adotou o procedimento determinado pela OMS.

A escola adotou o procedimento determinado pela OMS.

O Colégio Vitória, em Ilhéus, decidiu suspender as aulas e a adotar medidas de precaução depois de saber que uma de suas professoras esteve num casamento, no final de semana passado, no Txai, em Itacaré. O Resort  confirmou, ontem, que o resultado dos exames de um hóspede, de São Paulo, deu positivo para o Covid-19. De acordo com o colégio, a professora atuou na festa como animadora das crianças, em um ambiente distinto do local onde ocorreu a cerimônia de casamento do turista paulista.

A direção do Colégio Vitória providenciou o isolamento da professora, afastando-a das atividades escolares, assim que soube da confirmação do caso do rapaz de 26 anos, que se hospedou no Txai. A escola adotou o procedimento determinado pela Organização Mundial da Saúde e Ministério da Saúde. Por ter tido contato, durante três dias com o filho, que é aluno da instituição, a mesma providência foi adota com relação à criança. Mãe e filho não apresentaram nenhum sintoma da doença.

Como medida de segurança, as salas de aula e todos os setores das duas unidades escolares já foram desinfetados, segundo informou a escola. O Colégio Vitória informou que as aulas serão retomadas na terça-feira (17), nas unidades sul e centro. Nesta manhã desta sexta-feira (13), professores e funcionários participam, na unidade centro, com equipes da Secretaria de Saúde de Ilhéus, de treinamento sobre o coronavírus. (Informações: Pimenta)

COMPARTILHE