Ipiaú: Mirabela não resiste à crise e deve encerrar atividades temporariamente

mirabela

Com o níquel em queda, sendo comercializado a U$$ 3,70 a libra, a Mirabela Mineração do Brasil, situada no município de Itagibá, deve paralisar todas as suas atividades e emitir aviso prévios aos trabalhadores. Segundo apurou a nossa reportagem, a decisão dos investidores teria sido compartilhada numa reunião ocorrida no final da tarde de ontem (16) com representantes do sindicato dos operários e gerentes da empresa. A informação foi confirmada ao GIRO por um dos participantes. Os cerca de 400 funcionários diretos devem ser comunicados da decisão ainda esta semana. Com os rumores do suposto encerramento das atividades da mineradora, as comunidades de Ipiaú e Itagibá lamentam a crise no setor e preveem dias difíceis para a economia regional. A Mirabela iniciou a exploração do níquel sulfetado no final do ano de 2008. Época em que a libra do minério era vendida em torno dos U$$ 12,00. Quando a crise no setor começou a surgir e o valor despencar para 8 dólares a libra, a empresa já estaria operando com prejuízo., segundo informou, Milson Mundin, gerente financeiro da Mirabela. Com a atual desaceleração econômica vivida na China, maior comprador do níquel, o valor do minério vem despencando a cada dia, o que segundo os investidores, torna a exploração inviável. Caso o mercado financeiro reaja, é possível o reativamento da exploração na Mina Santa Rita. Com informações do Giro em Ipiaú.

COMPARTILHE