ITABUNA – HOSPITAL DE BASE VAI PARAR NA SEGUNDA FEIRA

Além do aumento de salário, os funcionários dizem que a paralisação é uma forma de chamar a atenção da comunidade para o estado de completo abandono.

Os funcionários do Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães, em Itabuna, anunciaram para a segunda-feira uma paralisação por duas horas. Eles afirmam que a paralisação é de advertência, antes de uma medida mais drástica. Os trabalhadores do hospital reivindicam reajuste de 5,5%, já aprovado pela Câmara de Vereadores mas até hoje não pago pela prefeitura.

O salário foi fruto de um acordo no ano passado.  Além do aumento de salário, os funcionários dizem que a paralisação é uma forma de chamar a atenção da comunidade para o estado de completo abandono em se encontra o maior hospital público do sul da Bahia. Os trabalhadores denunciam que têm faltado insumos básicos para atendimento aos pacientes. Muitos familiares levam forro de cama e compram medicamentos durante a internação do paciente.

(A Região)

COMPARTILHE