Itabuna: Acusado de matar homossexual tem identidade divulgada mas continua foragido

Fernando foi moto de forma fria e covarde.

A polícia de Itabuna divulgou no final da tarde da última quinta-feira (06), o nome do acusado de atear fogo em Fernando Almeida Oliveira, de 51 anos. A vítima, que era homossexual, sofreu queimaduras em 80% do corpo e acabou morrendo em consequências dos graves ferimentos. A identidade do suspeito é Renato Bispo dos Santos, de 41 anos, que continua foragido. O crime aconteceu na tarde da última quarta-feira (04), na Avenida Manoel Chaves, São Caetano, próximo à Vila Olímpica. O delegado Marlos Macedo, titular da Delegacia de Homicídios, já descartou a hipótese de crime homofóbico. Diz que o motivo, embora banal, foi uma discussão provocada por causa de uma bicicleta, emprestada à vítima. O criminoso teria ficado com raiva porque Fernando demorou em devolver o veículo.

COMPARTILHE