ITABUNA: APÓS TRANSFERÊNCIA DE BANDIDOS PERIGOSOS, NÚMERO DE HOMICÍDIOS CAI 32%
transferencia_presos_itabuna

Líderes do crime foram transferidos para prisão em Campo Grande.

As ações de inteligência e reforço no policiamento em Itabuna resultaram em redução de 32% do número de homicídios nos quatro primeiros meses deste ano quando comparado a igual período de 2012. Os números foram divulgados nesta quarta, 8, pelo diretor do Departamento de Polícia do Interior (Depin), Moisés Damasceno, e o delegado regional Evy Paternostro. Pelos dados divulgados, foram 47 homicídios em 2013 ante 69 registrados entre 1º de janeiro e 30 de abril do ano passado. Abril de 2013 também foi o menos violento dos últimos seis anos, conforme as estatísticas. No mês passado, foram registradas sete homicídios. Em 2012, foram 11. “Depois da implantação da DH em Itabuna, homicídios e tentativas passaram a ser investigados com mais celeridade. Contamos com uma equipe exclusiva para levantar as informações, e assim chegarmos rapidamente aos autores”, disse o titular da Delegacia de Homicídios de Itabuna, Marlos Macedo. Neste ano, a Secretaria de Segurança Pública deflagrou duas grandes operações que resultaram no desmantelamento das facções criminosas Raio A e Raio B. Os líderes do crime foram transferidos para presídio federal de segurança máxima em Campo Grande. Fonte: Pimenta.

COMPARTILHE