ITABUNA: PARTE DO FUNCIONALISMO CRUZA OS BRAÇOS NESTA TERÇA
O atual gestor acusa ainda o antecessor de não deixar recursos previstos para quitar o débito.

O atual gestor acusa ainda o antecessor de não deixar recursos previstos para quitar o débito.

Os servidores da prefeitura de Itabuna, no sul baiano, cruzarão os braços a partir desta terça-feira (29). A greve tentará pressionar a administração municipal a pagar o salário de dezembro último. De acordo com o site Pimenta na Muqueca, o prefeito Claudevane Leite (PRB), que está em Brasília, informou que a dívida com a folha deixada pelo ex-prefeito Capitão Azevedo (DEM) ultrapassa R$ 11 milhões. O atual gestor acusa ainda o antecessor de não deixar recursos previstos para quitar o débito com o funcionalismo. A decisão de paralisação foi tomada na última sexta (25), em assembleia realizada pelo Sindicato dos Servidores e Funcionários Municipais (Sindserv) no auditório dos Comerciários. Os trabalhadores recusaram a proposta de pagamento parcelado do salário até o mês de abril. A greve não atingirá o Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães (HBLEM), já que os funcionários acataram proposta apresentada pela direção da unidade médica.

Fonte: Bahia Noticias

COMPARTILHE