MULHERES VÃO COMANDAR 14 PREFEITURAS NA REGIÃO CACAUEIRA

Liu Andrade PP (Aurelino Leal), Gracinha Viana  PP (Maraú) e Fernanda  PT (Uruçuca). 

O número de mulheres eleitas prefeitas em municípios da região sul, incluindo o baixo-sul, saltou de cinco para 14 no comparativo de 2008 e 2012. Cinco prefeitas da Região Cacaueira sul-baiana disputaram reeleição e três acabaram reconduzidas: Dra. Sandra (DEM), de Floresta Azul, Ângela Castro (PP), de Camacan, e Josefina Castro (PT), de Coaraci.

As prefeitas Neone Cordeiro (PP), de Jussari, e Ioná Queiroz (PT), de Camamu, não obtiveram êxito. Ioná comandou o município por quase todo o mandato, mas foi “ejetada” pela Justiça Eleitoral no início deste ano. Outra mulher foi eleita prefeita, Emiliana de Zequinha da Mata (PP). Em Jussari, foi eleito Valnio Muniz (PT).

A participação das mulheres nas prefeituras regionais teve aumento de 180%, mas em vários casos a eleita substituiu, de última hora, o candidato – geralmente o esposo ou pai da eleita, a exemplo de Almadina, onde Valtencir ficou impedido de disputar e colocou a esposa, Gleide de Val. Confira a relação:

Almadina – Gleide de Val (PSD)
Aurelino Leal – Liu Andrade (PP)
Barra do Rocha – Vera (PSC)
Barro Preto – Jaqueline Mota (PT)
Camacan – Ângela Castro (PP)
Camamu – Emiliana de Zequinha da Mata (PP)
Coaraci – Josefina Castro (PT)
Uruçuca – Fernanda Silva (PT)
Itajuípe – Gilka Badaró (PSB)
Floresta Azul – Dra. Sandra (DEM)
Maraú – Gracinha (PP)
Valença – Jucélia Nascimento (PTN)
Ubatã – Simeia de Expedito (PSB)
Una – Dione (PSD)

COMPARTILHE