SOLDADO DA PM SUSPEITO DE MATAR SOBRINHO EM ITAPETINGA SE APRESENTA E É PRESO

Daniel era Guarda Municipal e DJ.

O soldado da Polícia Militar André Novais, suspeito de ter assassinado a tiro o sobrinho, Daniel Almeida, 29 anos, no final de semana em Itapetinga, a 560 km de Salvador, se apresentou na manhã desta terça-feira (18) na delegacia da cidade. O crime aconteceu no dia 15 deste mês. Acompanhado de advogados, o PM decidiu que só irá se manifestar em juízo e não respondeu às perguntas da polícia. Com mandado de prisão preventiva, o soldado foi preso e transferido para o Batalhão de Choque de Lauro de Freitas. A polícia ainda não sabe o que motivo o crime, mas a suspeita é de que tenha se tratado de um caso passional – Daniel teria um relacionamento com a esposa do tio.Daniel foi morto a tiros no início da tarde de sábado perto da porta de sua casa, depois que um homem que era carona em uma moto disparou à queima-roupa contra ele. A polícia suspeita que Cláudio Novais de Almeida, 37, irmão de André, estava pilotando a moto. Daniel era Guarda Municipal e DJ.

COMPARTILHE