TCM MULTA DOMINGÃO POR SUPOSTO FORNECIMENTO DE CARNE

O prefeito de Aurelino Leal, cidade do baixo-sul baiano, foi multado pelo Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) por desvio de verba pública referente aos meses de novembro e dezembro de 2009. Domingos Marques dos Santos (PSDB) havia declarado um gasto de R$ 2.420, em um suposto fornecimento de carne para a delegacia do município.

O fato foi negado pelo delegado titular, Rhudson Barcelos, que chegou a enviar um ofício ao Ministério Público Estadual em que afirma nunca ter recebido o produto. Além do ressarcimento da quantia, o conselheiro José Alfredo, que julgou o caso nesta terça-feira (21), imputou uma multa de R$ 3 mil ao gestor.

O parecer também apontou a ausência da prestação de contas nos meses de janeiro a julho de 2010 e ausência de repasse dos valores descontados nos salários dos funcionários a título de empréstimo consignado. Domingos Marques sequer se defendeu no processo. Ele ainda pode recorrer da decisão.

 

COMPARTILHE