TRÊS VEREADORES DE ITAPÉ QUE DESVIARAM DINHEIRO PÚBLICO FORAM CONDENADOS À PRISÃO

O juiz da 1ª Vara Criminal de Itabuna, Murilo Luiz Staut Barreto condenou três vereadores de Itapé. Eles foram denunciados em 2018 pelo Ministério Público e foram até afastados dos cargos na oportunidade. O esquema descoberto pelo MP consistia na transferência de pelo menos dois cheques da conta da Câmara para a conta pessoal do então presidente, Nilton Rosa nos valores de R$ 11.300,00 e R$ 11.200,00.

O montante teria sido usado para garantir empréstimos e a compra de gado. Outros dois cheques, nos valores de R$ 16.000,00 e R$ 8.000,00 teriam sido usados para compra de material de construção que seriam utilizados em obras residenciais do então presidente da casa e de outros dois vereadores. A sentença, o juiz Murilo Staut Barreto absolveu os vereadores Klebson de Jesus Santos e Cledson Gomes Alves.

Veja as condenações: Nilton Rosa (foto) – 10 anos de prisão regime fechado, aproximadamente R$ 100 mil de multa e perda do cargo; Agnaldo Santos Filho – 5 anos e três meses de prisão, regime semi aberto, multa de, aproximadamente, R$ 100 mil e perda do cargo e Eduardo Coelho dos Santos, 5 anos de prisão, regime semi aberto e, aproximadamente, R$ 100 mil reais em multa e perda do cargo. (Com informações do Políticos do Sul da Bahia)

COMPARTILHE