UBAITABA – NOTA DE ESCLARECIMENTO DA VEREADORA DALILA

Dalila Moreno

Oportuna esta nota assim eu vou ter condições de explicar alguns pontos: Primeiro é sobre a suposta renúncia que eu faria para entrar Gilberto. Ninguém me pediu isso nem tão pouco eu faria em hipótese alguma. Vocês me conhecem e sabem minha postura diante de certas coisas. Tenho muita consideração a Gilberto, é meu amigo, porém a vaga é minha será que ninguém pensa em mim?Eu também sonhei entrar na câmara um dia e chegou a minha vez. Quanto a não desgrudar da secretaria de meio ambiente não é bem assim.

Todos sabem que a secretaria estava desativada só existia lá uma gerência que caminhava com muita dificuldade. Depois que assumimos demos início a uma série de ações que necessitam continuar e que eu estou me dispondo a fazer tudo para não perder aquilo que já foi conquistado. Não quero dizer que só eu serei capaz de continuar o trabalho nada disso qualquer hum que gostar de trabalhar poderá fazê-lo o meu desejo é apenas continuar ajudando o governo que eu faço parte e Alexandre é um homem sério, competente, é um bom prefeito um grande amigo e merece qualquer esforço nesse sentido.

O termo não é ser secretário voluntário isso não existe. O serviço voluntário é para quem se dispõe em nome de uma causa a fazer qualquer trabalho seja no setor público, privado ou na sociedade civil. Eu por exemplo sou secretária do GAADV há muito tempo sempre que posso estou lá trabalhando dando minha parcela de contribuição, fui coordenadora da Pastoral da Criança durante anos fizemos um trabalho excelente agora lá estão outras coordenadoras também dando sua contribuição para a causa.

Alexandre não me pediu nada eu é que disse a ele que estaria a disposição para aquilo que fosse necessário. Imagine se a moda pega daqui a pouco aparece uma pessoa querendo ser voluntária no lugar de Dilma. Não existe cargo para quem deseja ser um voluntário. O que existe é a boa vontade e a garra para trabalhar e esses requisitos eu tenho. Obrigado por tudo.

COMPARTILHE