UBAITABA – “UMA TIA REVOLTADA COM A IMPRENSA.”

Olá, meu nome é Marluze Bispo moradora de Brasília – DF. E gostaria de endereçar este e-mail ao senhor Jackson Cristiano.

Olá Jackson, estive aí na rádio aonde o senhor trabalha em 2010. E se existe justiça da sua parte gostaria de reivindicá-la. Pelo homem de bem que o senhor diz ser, gostaria de clamar-te um grande favor. Primeiro uma pergunta: que justiça é essa que ponhe os familiares de um réu primário em perigo? Estou me referindo ao Adriano Santana bispo e Jefferson ( o Gêgê),  presos  à quinze dias (JOVENS DE UBAITABA FORAM PRESOS APÓS ASSALTO CONTRA A EDCAU DE TRAVESSÃO), sou tia de dois deles. Estive conversando com minha família na Bahia e estão sofrendo represaria, e ameaça de morte pelo que os meninos fizeram você acha que merecemos isso?

O senhor acha que expor fotos de pai de família é justiça? Não basta eles estarem sendo espancados na cadeia constantemente? O que a sua justiça quer? O Adriano tem uma filhinha de dois anos e um filho de sete, que choram dia e noite por verem as fotos do pai sendo ridicularizada. Escute bem senhor Jackson, meu sobrinho é um homem de bem eu o – criei. Se existe justiça, peço-lhe que interfira com essas imagens que me chocaram na noite de ontem. O que passa na cabeça de um homem que se diz querer ajudar a população e acaba ferindo os mais inocentes? Refiro-me as crianças.

Faz idéia do trauma que elas vão carregar para o resto de suas vidas inocentes? O senhor não faz… Minha família esta sendo destruída por causa da sua justiça. Quero que a justiça se cumpra de forma correta, mas isso? Isso é demais. Procurarei a justiça  para me aconselhar a respeito disto. A mãe desses dois jovens esta internada há duas semanas, os filhos choram, a avó de 61 anos esta sem comer e sem dormir a quinze dias.

Pense melhor nas conseqüências das coisas, antes de colocar fotos expostas, e fazer um trabalho se sentindo orgulhoso, do que faz e se sentindo o herói do povo à custa das desgraças alheias. O senhor viu os comentários? Estão chamando nossa família de bandidos, somos trabalhadores honestos; eu mesma sou estudante de medicina veterinária, meus irmãos  administração,  outro  biólogo e o outro arquiteto. Como podemos ser bandidos? Faz idéia do que  é isso?Não, claro que não. Deixe, por favor, que a justiça faça sua parte senhor Jackson. Obs.: Estou defendo os direitos que minha família tem de ir e vir e não a ação dos meninos. Reflita sobre isso herói.

Grata.

COMPARTILHE