UBATÃ: EXECUTIVO QUER COBRAR TAXA DE ILUMINAÇÃO PÚBLICA DOS MORADORES A PARTIR DO ANO QUE VEM
conta_de_luzO projeto de lei nº 011/2012, que poderá ser votado hoje (26), na Câmara Municipal de Ubatã, causa polêmica e indignação em toda a cidade, e vai doer e muito no bolso dos ubatenses. Trata-se da Contribuição para Custeio da Iluminação Pública (CIPE) que poderá trazer bastante dor de cabeça para os moradores de Ubatã em 2013. Acontece que a contribuição para a taxa de iluminação pública não vem sendo cobrada há anos e misteriosamente os vereadores faltando apenas 5 dias para o término do mandato 2009-2012 resolveram colocar em votação o projeto de lei. Para os moradores terem noção do quanto irá doer no bolso, uma residência que consome de 61 a 100 KWH/h terá de desembolsar R$31,99 a mais na conta de energia. Os comércios que consomem o mesmo KWH/h terão de pagar R$ 16,99 para o município e o estabelecimento que consome de 101 a 150 pagará R$ 23,99. As fábricas locais que consumirem de 201 a 250 KWH/h terão de pagar a mais em sua conta de luz o valor de R$ 44,90 e até os moradores da zona rural serão atingidos, tendo em vista que se consumirem de 51 a 60 pagarão R$ 9,90 a mais na conta. Os valores anuais que entrarão na conta afetarão diretamente o bolso dos ubatenses. Caso seja aprovado, entrará em vigor a partir do ano que vem. A sessão para votação está marcada para esta quarta-feira (26), a partir das 20h, e sem dúvida após essa notícia muitos ubatenses deverão comparecer ao recinto. Fonte: Notícias de Ubatã.
Comente pelo Facebook
COMPARTILHE