CANDIDATURA DE LULA EM 2022 DEPENDE DA JUSTIÇA E ESBARRA EM DISCURSO DE RENOVAÇÃO
Foto: Rafael Martins/Ag. A Tarde

Foto: Rafael Martins/Ag. A Tarde

Preso em abril do ano passado, o ex-presidente Lula foi impedido de disputar a eleição presidencial. Pelo PT, concorreu o professor e ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad. Agora em liberdade, o petista tem o nome pedido pela militância para o pleito de 2022 para retomar a presidência, mas tem como obstáculo a inelegibilidade em decorrência da sua condenação em segunda instância na Lava Jato. Fernando Haddad afirma que a decisão de sair candidato depende do próprio Lula, desde que os direitos políticos sejam restabelecidos. “Isso depende dele. Mas se depender de nós, ele vai recuperar seus direitos políticos. Tem que ter sua liberdade, como todo cidadão brasileiro, de pleitear. Ele não está defendendo mudança nenhuma na Constituição”, ponderou o ex-prefeito durante a reunião do PT nacional no Wish Hotel da Bahia, em Salvador, na manhã desta quinta-feira, 14.

O senador Jaques Wagner (PT) defende renovação no partido, mas também leva em consideração a anulação da inelegibilidade de Lula. “A condenação de Lula precisa cair. Se houver o cancelamento do julgamento por vício, o que já está mais do que evidente no processo, ele recupera a condição para poder ser candidato. Obviamente que não é necessariamente o desejo dele, ele pensa como eu, é preciso renovar. Tem quadros no partido”, apontou. O senador, inclusive, tem o nome defendido por militantes do partido para concorrer ao governo da Bahia em 2022. “Eu não decidi ainda. Evidente que se for necessário para a unidade do grupo, eu não vou faltar. Mas eu vou continuar trabalhando para que tenha renovação”, sinalizou. Presidente eleito do PT baiano, Éden Valadares é um defensor da candidatura de Lula ao Planalto. “Sempre falamos que Lula é o nosso candidato natural. Ele foi ilegalmente retirado da eleição passada. Ele é o candidato natural do PT, da esquerda e do projeto popular do Brasil”, frisou. (Informações: A Tarde)

Comente pelo Facebook
COMPARTILHE