EX-MINISTROS MANDETTA E TEICH DEPÕEM NA CPI DA PANDEMIA NESTA TERÇA
Luiz Henrique Mandetta e Nelson Teich.

Luiz Henrique Mandetta e Nelson Teich.

A CPI da Pandemia inicia nesta terça-feira (04) a fase de oitiva de testemunhas. Os primeiros serão os ex-ministros da Saúde no governo de Jair Bolsonaro (sem partido), Luiz Henrique Mandetta e Nelson Teich. O objetivo da comissão é apurar responsabilidades e possíveis omissões por parte do governo federal na gestão da pandemia da Covid-19.

A previsão é de que Mandetta seja ouvido a partir das 10h e Teich a partir das 14h, de acordo com a pauta da reunião da CPI. Os ministros deverão responder a questionamentos sobre o início das ações para o enfrentamento à pandemia, as estruturas de combate à crise, as ações de prevenção e atenção à saúde indígena, além do emprego de recursos federais.

O ex-ministro Eduardo Pazuello, que ficou no comando da Saúde por quase um ano, prestará depoimento na quarta-feira (5). Ele será o único ministro ouvido pelos senadores na sessão. Pazuello deve ser questionado sobre a política de aquisição de vacinas, o colapso de oxigênio em Manaus e as políticas de comunicação do governo sobre isolamento social e uso de máscaras.

COMPARTILHE