Ex-prefeita de Ibicaraí é condenada à prisão

Foto: Reprodução

O juiz federal Raimundo Bezerra Mariano Neto condenou a ex-prefeita de Ibicaraí, Monalisa Tavares, a dois anos de prisão e multa. Este foi o resultado de uma ação do Ministério Público Federal de 2014. Além dela, foram condenados a secretária de Administração e Finanças e o chefe de licitações. A pena, que seria cumprida em regime aberto, foi convertida em multa de 10 salários mínimos. Os três condenados fraudaram duas licitações de combustível em 2007 e duas em 2008, lesando o município em mais de R$ 2 milhões. O “vencedor” em todas foi o posto Caires. Monalisa já tinha uma condenação federal, baseada em investigações da Polícia Federal na Operação Vassoura de Bruxa, por fraude em licitações desde 2008. A pena também tinha sido de dois anos de prisão e multa. A pena foi convertida em prestação de serviços à comunidade e doações a instituições sociais. A ex-prefeita recorreu.

COMPARTILHE