UBAITABA: CRIME DA JOVEM DE CAGUINHOS CONTINUA SEM SOLUÇÃO
Aline foi estuprada e depois estrangulada. (Foto: Jackson Cristiano)

Aline foi estuprada e depois estrangulada. (Foto: Jackson Cristiano)

A polícia civil ainda não conseguiu elucidar o crime no qual foi vítima a estudante, Aline Alves Nascimento que tinha 18 anos e morava no Assentamento Nossa Senhora Aparecida, povoado de Caguinhos em Ubaitaba. A vítima desapareceu no dia 10 de outubro de 2012, quando saiu de casa as 6hs da manhã com destino a casa do namorado na Região do Funil em Ubatã. O corpo de Aline só foi encontrado dois dias depois em um matagal as margens da BR 330, no mesmo local onde ela costumava esperar o ônibus. A polícia Técnica descobriu que Aline foi estuprada e depois estrangulada. Alguns dias após o crime a polícia prendeu o namorado da vítima o trabalhador rural Crisvaldo Sousa de Jesus, como principal suspeito do crime, mas foi liberado no dia seguinte por falta de provas. O crime continua sem solução, já que até o momento nenhum culpado foi preso.

Redação: Ubaitaba Urgente

COMPARTILHE