Ubaitaba: Morre PM que trabalhava no PETO da 61ª/CIPM
Herodi tinha 29 anos e não deixa filhos.

Herodi tinha 29 anos e não deixa filhos.

Faleceu, na tarde desta quinta-feira (26), o ipiauense Herodi Aquino, de 29 anos, policial do Pelotão de Emprego Tático Operacional (PETO). O ipiauense, formado em Letras pela UNEB, trabalhou durante alguns anos no 4º Pelotão da Polícia Militar de Ubatã e conquistou no município diversos amigos. Hilário, divertido e com um senso de humor inconfundível, Aquino deixa uma lacuna no coração de parentes e amigos. “Deixará muitas saudades. Um grande amigo, uma pessoa contagiante”, disse Ricardo Neto, grande amigo e colega de Universidade de Aquino. Em tempo, Herodi morreu em decorrência de complicações decorrentes de um câncer no pulmão. A família ainda não divulgou o horário do sepultamento. (Ubatã Notícias)

COMPARTILHE