Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

UBAITABA: POPULAÇÃO REALIZA NOVO MANIFESTO

DSCF9207
DSCF9202
A população de Ubaitaba saiu às ruas nesta quinta-feira (11) e reivindicou por melhorias trabalhistas e pela resolução de vários problemas no município, no estado e no país. O movimento foi em adesão à paralisação nacional, programada em reunião pelas principais centrais sindicais do Brasil.  O manifesto, que contou com o apoio da Polícia Militar, percorreu as principais ruas da cidade e finalizou na rua da Praça 27 de Julho, no centro, onde os representantes sindicais expressaram as suas reclamações. Os manifestantes reivindicaram, além das questões de trabalho, pela pavimentação da BR-030, transporte escolar gratuito para os universitários da cidade, melhorias no Hospital de Ubaitaba e na estrada do distrito de Faisqueira, pagamento das URVs ao professores estaduais entre outros. Texto: Jornal Tribuna da Região.
Cópia de DSCF9191 DSCF9190 DSCF9194 DSCF9195 DSCF9196 DSCF9197 DSCF9198 DSCF9201 DSCF9203 DSCF9204 DSCF9205 DSCF9208 DSCF9209
COMPARTILHE

VOCÊ PODE GOSTAR TAMBÉM

3 Comentários
  1. sirleide santos souza Diz

    é isso aí emfim a população acordou e está lutando pelo seus direitos;esperando asssim que aja um retorno positivo dos governantes desse pais q esta mergulhado no descaso.

  2. FLORENITO Diz

    VÃO EM FRETE IRMÃOS FICO AQUI EM MACAÉ ACOMPANHANDO PELO UBAITABA URGENTE.

  3. Filho da Terra Diz

    Cadê os professores? Já vi que este dia só serviu pra mais um dia sem aula, só compareceram alguns gatos pingados, já esta na hora do sindicato rever estas paralisações, os bancários não aderiram, e tem gente que não entendeu ainda o propósito da coisa. Não é só protesto municipal, o estado também esta uma merda ouviu petista.

Deixe uma resposta

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do UBAITABA URGENTE. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.