Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Ubaitaba: Sindicato dos Comerciários de Ilhéus é acusado de praticar tumultos na cidade

Crismélia Moreira, Presidente do Sindicato de Ilhéus.
Crismélia Moreira, Presidente do Sindicato de Ilhéus.

Uma reunião entre comerciários de Ubaitaba que estava acontecendo na Academia Liv Fitness, localizada na Av. Presidente Vargas, que foi cedida ao grupo pelo Professor Maça, quase termina em tragédia, na noite desta segunda feira (14), por volta das 19hs. O tumulto começou com a chegada de sindicalistas do SECMI – Sindicato dos Comerciários de Ilhéus, liderados pela sua presidenta, Crismélia Moreira.

Comerciários Ubaitabenses revoltados com sindicato de Ilhéus.
Comerciários Ubaitabenses revoltados com sindicato de Ilhéus.

Os sindicalistas de Ilhéus são acusados de provocarem desordens, agressões e quebra quebra no local da reunião e na Av. Beira Rio. Seis viaturas da PM foram acionadas para evitar a confusão que aumentava a cada momento. O motivo da confusão é que o Sindicato dos Comerciários de Ilhéus, não aceita a criação de um sindicato dos comerciários em Ubaitaba, já que os comerciários Ubaitabenses há muitos anos não vinham sendo assistidos pelo SECMI.

DSCF0627
PM é chamada para conter o tumulto.

Diante da omissão do sindicato Ilheense, lideranças de Ubaitaba decidiram criar seu próprio sindicato. Dois comerciários de Ubaitaba foram agredidos fisicamente por integrantes do sindicato de Ilhéus, e que ainda são acusados de trazerem Policiais Civis e Militares armados e apaisana para intimidar comerciários de Ubaitaba. Apesar de toda a confusão e tumulto, o sindicato dos Comerciários de Ubaitaba foi fundado, tendo como Presidente o Srº  Ivan Marques de Oliveira.

COMPARTILHE

VOCÊ PODE GOSTAR TAMBÉM

36 Comentários
  1. anonimo Diz

    não é comerciante e sim comerciario . é diferente

  2. IZYDRO Diz

    Ubaitaba faz parte da área de abrangência do sindicato de Ilhéus. O sind de ios não está interessado em representar, visto que já representam legalmente os trabalhadores comerciários de uba. No artigo 8º da Constituição Federal diz que é vedada a criação de mais de uma organização sindical, em qualquer grau, representativa de categoria profissional ou econômica, na mesma base territorial, que será definida pelos trabalhadores ou empregadores interessados, não podendo ser inferior à área de um Município.

    No entanto a solicitação de Registro Sindical é regida pela Portaria MTE nº. 186/08, que prevê o desmembramento de sindicatos para criação de novos com base territorial municipal.

    Mesmo que os fundadores do sindicato de uba façam todos os procedimentos legais, ainda podem sofrer impugnação do sind de ios e levar anos para receber a carta sindical. Sem esta carta, a organização não passa de associação. Espero que a consigam, pois os comerciários de uba realmente precisam de uma entidade de base representativa.

  3. anonimo Diz

    Descarado. Filhinhos de papai nao. Ali t8inham trabalhadores, que praticam exercicio fisico… ou vocês querem proibir isso tambem??? baderneiros, agressores, laranjas!!!

  4. junior Diz

    ESSE ERASMO É UM 171 ,VIVE AQUI EM IPIAÚ QUERENDO SER DONO DO SINDICATO É UM VERDADEIRO DITADOR TRAVESTIDO EM PELE DE CORDEIRO.

  5. Cidadão Ubaitabense Diz

    Quero parabenizar o redator desse site, pela bravura e coragem de dar a oportunidade aos trabalhadores desta cidade de se manifestar e expor para quem quiser ver, o que sempre aconteceu conosco neste município. Também quero dizer ao proprietário da rádio da nossa cidade irmã (Aurelino Leal) que o povo é inteligente, e sabe diferenciar uma reportagem tendenciosa. Estou relatando tal fato pois estive observando que o site e o programa da rádio do mesmo, colocou os trabalhadores de Ubaitaba como mentirosos, baderneiros e que não respeitam as Leis, basta os leitores lerem os comentários abaixo para verem quem fala a verdade.

    Estamos de olhos bem abertos.

  6. Paulo Diz

    O problema é simplesmente um, quando SINDICATO DE ILHÉUS, FEZ AS CONTAS E VIU O QUANTO VÃO DEIXAR DE ARRECADAR, VIERAM TENTAR IMPEDIR A CRIAÇÃO DO SINDICATO DE UBAITABA, A QUALQUER CUSTO, INCLUSIVE, DEBAIXO DE PORRADAS, QUEBRA-QUEBRA E BAIXARIAS. CHEGA, SANGUE SUGAS.
    APOIO UM SINDICATO LIVRE E FORTE, SOU COMERCIANTE, MAS NÃO ACEITO ESSA PALHAÇADA, EM AMBOS OS LADOS EXISTEM DIREITOS E DEVERES.

  7. adalberto Diz

    eu fui agredido seu palhaço tomei o soco na nuca ou foi sua mãe que tava la

  8. adalberto Diz

    rpz vejo que vc ta igual aos baderneiro de ilheus só quer tumultuar se olha rpz

  9. Comerciária Diz

    Essa situação toda só nos faz ver o quanto somos ignorados, a Advogada em entrevista diz que os nossos direitos só nos foram assegurados recentemente, pergunto-lhes por acaso a Contituição Federal e a CLT começaram a existir recentemente também?
    Nossa sociedade não está brigando por convenções e pisos salarias, estamos bem abaixo disso SECMI, estamos querendo a carga horária semanal de 44 horas, horas extras, carteira assinada, salário mínimo garantido, auxilio em cálculos trabalhistas, orientação a respeito de direitos e deveres, cursos de aprimoramento, eventos, lazer e cultura. Isso NUNCA nós foi oferecido e quando há a iniciativa de um grupo de GUERREIROS que realmente querem mudança vocês vem aqui dizer que nos representam, não, vocês não nos representam, a sociedade comerciária de Ubaitaba da região quer ATITUDE. Essa atitude de vir aqui ontem impedir a assembleia só mostra que vocês nos subestimam como comerciários!

  10. Ubaitabense Diz

    “Os sindicatos defendem os direitos e interesses, coletivos ou individuais, de uma categoria profissional. Em questões judiciais ou administrativas os sindicatos representam e defendem os interesses da categoria.
    Além disso, os sindicatos mantêm serviços de orientação sobre direitos trabalhistas e a maioria deles conta também com um departamento jurídico para defender os interesses de seus associados.
    Orientam alguma dúvida sobre seus direitos trabalhistas, antes de recorrer à Justiça do Trabalho”
    Por isso queremos quem conhece nossa realidade e não quem aparece aqui só pra fazer baderna. Sem falar da falta de caráter de vir aqui dizer que nos representam, sem nunca ter se quer aparecido antes. Acho melhor vcs cuidarem do comercio de ilhéus, que já está bastante desorganizado, talvez pela falta de objetivo de vcs em querer se envolver nas cidades vizinhas.

  11. tiago Diz

    Venha fazer essa enquete, faça esse levantamento pessoalmente prove isso, eu o conheço e sei que ele não é patrão.

  12. tiago Diz

    Sr Fabio nos poupe desse comentários sem fundamento, porque o policial Delmar da Cruz de Ilheus estava entre vocês ? Ele faz parte do SCMI? os rapazes da academia trabalham no comercio e ele???

  13. tiago Diz

    Fabio não sei de que buraco você surgiu, mesmo porque ao dizer que aqueles comerciários que estavam na academia são filhos de papai, só mostra que você não sabe quem são os Ubaitabenses. A Truculência e a falta de respeito de vocês repercutiu em todo município, quero ver o SCMI aparecer aqui novamente tentando impor sua ideologia barata.

  14. anonimo Diz

    Tenho medo destes ‘sindicalistas de mentira’ de ilheus. Eles são agressivos, manipuladores, perseguidores…
    Vão querer causar vários transtornos aos comerciários de Ubaitaba, nem que para isso tenham que apelar aos meios mais sujos e ilícitos que existem.
    Quadrilha disfarçada de ‘lutadores da classe’… 🙁
    Não sei porque os policiais civis se sujeitam a isso, a receber qualquer micharia para ir contra o povo trabalhador, sofredor, que trabalha domingo a domingo, sem receber sequer uma hora extra…

    VIVA A DEMOCRACIA CAMUFLADA!

  15. anonimo Diz

    Baderneiros, vieram para destruir o patrimônio municipal e nao para reivindicar direitos… aliás, pouco sabem o que são direitos, por tanta arrogância, prepotência e interesse PRÓPRIO $$$$$$$$$$.
    Nunca representaram a nossa classe aqui em Ubaitaba. So fazer receber $$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$

  16. anonimo Diz

    O SINDICATO DE ILHEUS NAO REPRESENTA A CLASSE TRABALHADORA DE UBAITABA.
    VIOLÊNCIA NAO REPRESENTA SINDICALISMO.
    VIOLÊNCIA NÃO REPRESENTA DIREITOS.
    SE NÃO CUMPRIRAM COM SUAS FUNÇÕES A ANOS, AGORA TAMBÉM NÃO PODERÃO CUMPRIR…

    VIVA A LIBERDADE SINDICAL. VIVA A UBAITABA, POR ESTE GRANDE AVANÇO!!!

  17. anonimo Diz

    Engano seu Erasmo! Não tenho nada a ver com sindicato algum e fui vítima da violência e tumulto que essas pessoas causaram ontem aqui na cidade. Desde cedo eles estavam ‘apelando’ violentamente. Basta dizer que vieram com policiais civis, capangas, etc. Pra que isso? Porque vieram sem farda e pra uma cidade que não é de competência deles atuarem?
    A cidade não dispõe de policiamento suficiente? (Claro que sim! Isso foi provado com mais de 10 policiais que chegaram logo em seguida, + Caerc, etc).
    Acontece, que o que envolve dinheiro e privilégios, ninguém quer perder. E é exatamente isso que está acontecendo com o sindicato de ilheus. Não querem perder a ‘fonte’.
    E porque não cumpriram com suas funções constitucionais e celetistas durante todos estes anos? Porque nunca assistiram aos trabalhadores de Ubaitaba e hoje, ‘sem más intenções’ apareceram?
    Porque tentaram invadir um estabelecimento particular, frequentado por pessoas inocentes, que estavam simplesmente praticando atividade física, e nada tinham a ver com o sindicato de ilheus ou de ubaitaba?
    Não sou a favor da violência, mas vim para cidade dos outros causar transtornos é muita ousadia… vocês deveriam sair é na base da porrada!!!

  18. anonimo Diz

    Verdade… estão preocupados é com as contribuições ($$$$) e com a estabilidade que os gerentes sindicais possuem durante a candidatura, durante o mandato e após 1 ano do termino deste.
    Isso é uma quadrilha!!!

  19. PASTOR ARLEN SANTOS Diz

    OS COMERCIANTES DE UBAITABA ESTÃO DE PARABÉNS,É PRECISO SIM CRIAR AQUI EM UBAITABA UM SINDICATO QUE LUTE PELOS COMERCIANTES DESSA REGIÃO E NÃO ESSE QUE LUTA E PENSA SOMENTE NO COMERCIO DE ILHÉUS.APOIO ESSA INICIATIVA E VAMOS CONTINUAR ORANDO A DEUS POR TODOS OS COMERCIANTES DE UBAITABA,AURELINO LEAL E REGIÃO.

  20. Neudson Araújo Diz

    O comércio de Ubaitaba é muito forte e é reconhecido em toda região por causa disso, mais alguns comerciantes aproveitam da situação de que na cidade não existe sindicado e abusão do poder que eles teen e fazem dos funcionários escravos, sim, escravos, vivemos hoje como nos tempos da escravidão onde os senhores feudas mandam e os escravos tem que obedecer se não serão punidos, demitidos. Muitas irregularidades são encontradas aqui, funcionários trabalhando sem carteira assinada e a ainda aqueles que tem a mesma assinada mais não recebem um salário minimo. Ubaitaba tem que ter sim um sindicato que represente a categoria dos comerciários.

  21. Verdade Diz

    Em primeiro lugar Sr. Erasmo Carvalho Correia aprenda a se pronunciar. Em segundo e último lugar, SIM! É bem verdade que não só o redator mas todos que aqui defenderem essa causa ou apoiar o redator da matéria É POR SER DE UBAITABA! Pois já dizia o ditado: ” Quem sofre a dor é quem geme”.

  22. Fabio Diz

    Pergunto aos cidadãos de Ubaitaba, se na segunda foto da reportagem reconhecem o principal como comerciário ou como patrão?

  23. Fabio Diz

    Espero que o companheiro saiba realmente o que significa o termo utilizado.
    Pois entendi na noite de ontem, 14, que muito filhinho de papai e dependente de uma academia, que até desrespeitaram policiais, que ali estavam para manter a ordem, jogando água, secreções e até mesmo pedaços de madeira.
    Só lembrando, política sindical não é do conhecimento de todos e os poucos que o detém, utilizam com sabedoria em benefício de todos.
    Portanto, cuidado de quem e como fala sobre determinados termos.
    Beijos querido!!!!!!!!!!!

  24. Trabalhador de Ubaitaba Diz

    Esses baderneiros nunca apareceram em Ubaitaba pra defender a classe dos trabalhadores, e quando fala em fundar um sindicato atuante no municipio vem uma ruma de sem ter o que fazer arrumar confusão aqui na cidade…. Eles deram sorte que o povo não estava preparado e não sabiam do que se tratava, é por isso que vieram com a maior cara de pau pra cidade dos outros nessa arrogancia. Mas espero que os trabalhadores de Ubaitaba consiga fundar o sindicato e que seja atuante em defender os interesses dos trabalhadores.

  25. Fabio Diz

    Espero apenas que esse Blog seja responsável, e seu proprietário seja consciente e conhecedor da verdadeira luta pela integridade moral do jornalismo.

  26. Fabio Diz

    Infelizmente o comentário apresentado é falso e inverídico, mesmo porque não houve nenhum tipo de agressão física, muito menos quebra-quebra.
    Discussões acerca do intento confuso estabeleceu-se por errônea tentativa de manipulação política e não sindical de membros da CTB, não que essa central haja desta forma, mais infelizmente, alguns membros são assim.
    07 foram os comerciários que se apresentaram para a fundação, sem contar é claro com o pessoal da central. O restante de tumultuadores foram membros da academia e funcionários da mesma, que representavam ali seu patrão que também se diz comerciário. Uma fraude, fraude, fraude!

  27. Yuri Mendes Diz

    Vieram somente na intenção de tumultuar, Sindicato esse que antes desse fato nunca foi visto, além de trazerem policiais a paisana. Isso sem comentar que segundo eles, todos os Ubaitabenses ali presentes eram vagabundos.

  28. Maria da Silva Santos Diz

    Srº Erasmo

    O sindicato de Ipiaú independe do de Ilhéus!
    O que os comerciários querem aqui é apenas um sindicato atuante, como vocês ai de Ipiaú conseguiram, nunca esqueço que nos primeiros momentos de fundação do sindicato daí, um rapaz foi responsável por fotografar o comercio que estivesse com as portas abertas num feriado, para os quais foi aberta uma sindicância.
    Vocês são tão atuantes ai que o próprio Nilson é alvo de especulações em que um governante forte e rico dai quer intervir a todo custo. Não é isso???
    Estamos “soltos” Srº Erasmo… Apenas exigindo direitos!

  29. Maria da Silva Santos Diz

    Bom dia
    Admito que será uma guerra grande e que provavelmente envolverá a justiça, o que pode demorar alguns anos.
    Estive lá e observei a presença do Srº Nilson (presidente do sindicato de Ipiaú), O Srº Fatel (representante da federação)… entendo claro a proposta feita em exigir uma participação efetiva e ostensiva do sindicato de Ilhéus aqui em minha cidade até porque não existe nenhum documento que prove que eles defendem nossos comerciários. Foi necessário que os comerciários que deviam ser defendidos pela SECMI querer responder por eles próprios para que a SECMI (até então “Lombardi”) aparecer e querer mostrar serviço?!
    É muito fácil Senhores Sindicalistas de Salvador, Ipiaú, Ilhéus tentar resolver o problema dos outros, enquanto a maioria notória reclama por um atendimento que nunca existiu.
    Autoridades municipais… quem sabe um vereador, alguém… sejam agora representantes desse povo!

  30. Robson Diz

    Esse cidadão por nome de Erasmo, deve ter sido a primeira vez que veio em Ubaitaba. Nós moramos em uma cidade manipulada pelo um CDL que só atua comerciante e um sindicato que nunca pisaram os pés nesta cidade. E neste momento veio praticar baderna. Pois fique voces sabendo que vai acabar essa exploração em Ubaitaba. OBS: O único lugar do mundo que não existe feriado.

  31. Rodrigo Farias Diz

    Caro Sr. Erasmo, não posso deixar de notar sua inclinação em defender o sindicato de Ilheus, è uma postura interessante vindo de um ubaitabense, é fato que o sindicato de Ilhéus existe, contudo os trabalhadores no comercio de ubaitaba e inclusive eu, que tenho mais de 15 anos atuando no comercio daqui, nunca vimos essa força sindical aqui em ubaitaba, os diretos e a dignidade dos trabalhadores estão definhando, crie uma consciência de que a criação do sindicato aqui é justamente para reguardar isso que esta tão indefeso,
    Não desistiremos de nossos ideais, que é sim a formação, fundação e edificação do sindicato dos TRabalhadores no Comercio de Ubaitaba e fico triste que posturar contraria a isso, espero que vc observe mais esses ideias e unir a nós nesta digna batalha quanto ao descaso e falta de respeito dos direitos dos trabalhadores em ubaitaba, sendo nós mesmo desssa terra a defender tais interesses e direito.
    Sem mais para o momento, fico grato o espaço de replica.

  32. lincon Diz

    O SECMI afirma que estamos vinculado a 2 anos ao sindicato deles outros deles mesmo fala que é a 10 Anos, neste tempo todo não vimos um se quer deles aqui, nunca atuaram aqui em Ubaitaba. Só viemos saber deste sindicato no dia que eles souberam que iríamos fundar um sindicato aqui, eles vieram correndo pra reparar o prejuízo…
    o Sindicato de Itabuna fechou o comercio todo neste feriado ao contrario do de Ilhéus, eles não atuam lá em Ilhéus imagine aqui.
    Fiquei até o fim e vi os carrões chegando, são todos Patrões não estão preocupado com o comerciário de Ubaitaba e sim com o bolso deles

  33. Rodrigo Diz

    Hoje levanto e levantarei a bandeira da formação do sindicato dos trabalhadores no Comercio de Ubaitaba, e região.
    Temos que sugerir criação de uma consciência, com todos diretios e de dar mais condições de trabalho com dignidade. Hoje foi dado um posso importante de uma longa e árdua caminhada, vamos a essa batalha e todo apoio é aceito
    Ivan estamos juntos parceiro não é de hoje e nem de ontem.

  34. Márcio Artur Magalhães Diz

    O caso é que eles não querem perder a mamata. Muita ousadia deles de chegar na terra dos outros fazendo esse tumulto todo provando realmente o que eles são OPORTUNISTAS.

  35. Gil Diz

    Nunca ouvi falar que esse sindicato tivesse revindicado de forma tao agressiva um direito da classe trabalhadora em Ilheus muito pior em Ubaitaba. FORA DAQUI FORASTEIROS!!!

  36. Erasmo Diz

    boa noite em primeiro lugar parabéns pelo o seu Blog, mas meu caro redator na verdade isso que esta na matéria não é verdade, pois estive no local e o pessoa de Ilhéus queria que assembleia ocorressem, mais o pessoal do PCdo B de salvador e de Itabuna tentaram coloca os trabalhadores contra o representante da classe, o que ouve na verdade foi defender aquilo que já esta registrado no ministério do trabalho na base do Sindicato de Ilhéus, então antes de coloca essa matéria acho que vc deveria esta lá deste do começo e não chega no final e fazer essa matéria, infelizmente imagino que vc esteja defendo por que é de Ubaitaba,

    Cordialmente. Erasmo Carvalho Correia
    TEL. 81020428

Deixe uma resposta

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do UBAITABA URGENTE. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.