Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

COVID: TÉCNICO EM ENFERMAGEM É DEMITIDO APÓS FALSA APLICAÇÃO DE VACINA IDOSA DE 79 ANOS

A paciente percebeu que a vacina não tinha sido aplicada.
A paciente percebeu que a vacina não tinha sido aplicada.

Um técnico em enfermagem foi demitido em Porto Seguro, nesta segunda-feira (12/04), após falsa aplicação de vacina contra a Covid-19. Um vídeo mostra o momento em que o profissional, contratado há 30 dias pela Secretaria Municipal de Saúde, aplica a seringa, mas não injeta o líquido na aposentada Maria Andrelina Alves Soares, de 79 anos.

Em entrevista ao RADAR 64, a idosa contou que chegou a uma sala de vacinação, no centro da cidade, no fim da madrugada, para tomar a primeira dose do imunizante. Ela estava com a filha, que fez o vídeo com o celular. “Quando chegamos em casa, encaminhamos a gravação para minha outra filha, que é agente de saúde e mora na cidade de Arataca. Ela percebeu que a vacina não tinha sido aplicada. Aí voltamos ao posto e denunciamos”, contou dona Maria Andrelina.

OUTRO LADO

O técnico em enfermagem, de 40 anos, prestou depoimento na Polícia Civil. Segundo o delegado Bruno Barreto, não foi lavrado flagrante, em virtude de não estar evidenciado que ele agiu de forma livre e consciente para enganar a idosa ou desviar a vacina, mas foi instaurado procedimento para apurar a conduta.

“Como localizamos uma única seringa com o liquido no lixo, dentre outras descartadas, a princípio trabalhamos com a possibilidade de, em virtude do cansaço, displicência ou estresse, ele tenha deixado de vacinar a idosa devidamente”, afirmou o delegado ao RADAR 64. Na delegacia, onde também foi ouvida, a aposentada foi vacinada corretamente.

“O delegado mandou a Secretaria de Saúde trazer a vacina e aplicar em mim. Eu fiquei muito sentida por ele [o técnico em enfermagem]. Acredito que tenha sido um erro. Todo mundo erra”, disse a idosa. A prefeitura de Porto Seguro informou que foi “um caso isolado” e reiterou que as doses estão sendo aplicadas conforme as normas do Programa Nacional de Imunização (PNI).

VOCÊ PODE GOSTAR TAMBÉM

Deixe uma resposta

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do UBAITABA URGENTE. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.