Gongogi







Gongogi: Adriano Pinheiro é o novo presidente da Câmara Municipal

Adriano (à esquerda) venceu disputa por 6 votos a 3.

Adriano (à esquerda) venceu disputa por 6 votos a 3.

Adriano Mendonça Pinheiro (PHS) é novo presidente da Câmara Municipal de Gongogi para o Biênio 2016-2016. As eleições ocorreram na manhã desta segunda-feira (1º) e Adriano venceu o atual presidente, José Santiago da Silva Sobrinho (PP), o Zé de Jonas, por 6 votos a 3. Além de Adriano, farão parte da Mesa Diretora da Câmara Alberto Leite (PCdoB), como vice-presidente; Edvaldo de Oliveira (PDT), o Toi (1º Secretário); e Janaine Souza Macedo (PPS), que será a 2ª Secretária. “O objetivo é manter a ordem da Casa e administrar com perfeição”, disse o novo presidente do legislativo gongogiense ao Ubatã Notícias. Em tempo, pela terceira vez em seus dois mandatos o prefeito Altamirando de Jesus Santos (PDT), o Sapão, governará o município com um presidente da Câmara que é da base oposicionista. Informações do Ubatã Notícias.

COMPARTILHE

BR-330: Acidente deixa 04 pessoas feridas do Assentamento Liberdade

Acidente ocorreu próximo ao trevo que dá acesso a Gongogi (Foto: Ubatã Notícias)

Acidente ocorreu próximo ao trevo que dá acesso a Gongogi (Foto: Ubatã Notícias)

Um grave acidente na BR-330, nas proximidades do trevo que dá acesso ao município de Gongogi, quase acaba em tragédia na manhã deste sábado (29). Segundo informações de testemunhas, um Uno, placa JOE 7969, licença de Ubatã, ocupado por 04 pessoas do Assentamento Liberdade, da região da Piabanha, município de Maraú, perdeu o controle ao tentar desviar de um buraco sobre a rodovia e acabou caindo numa ribanceira localizada às margens da BR-330. No acidente, três pessoas sofreram escoriações leves e o estado do condutor do veículo, identificado apenas pelo prenome de Kil, inspira cuidados. As vítimas foram socorridas para o Hospital César Monteiro Pirajá, em Ubatã. Até o fechamento desta matéria não havia informações precisas sobre o estado de saúde do condutor do Uno. Em tempo, o local onde ocorreu o acidente é o mesmo em que, no último sábado (22), um veículo da empresa Kal Tour também foi vítima de um acidente. Em tempo, a família voltava para o Assentamento após realizar compras em mercados e na feira livre de Ubatã. (Ubatã Notícias)

Carro ficou destruído por causa do acidente na BR-330 (Foto: Ubatã Notícias)

Carro ficou destruído por causa do acidente na BR-330 (Foto: Ubatã Notícias)

COMPARTILHE

Gongogi: Vamos conversar com os nossos deputados em busca de obras, diz Sapão

Sapão-5

Sapão diz que objetivo é trazer obras I Foto: Ubatã Notícias.

O prefeito de Gongogi, Altamirando de Jesus Santos (PDT), após grande votação dada aos deputados estaduais Roberto Carlos (PDT) e Bruno Reis (PR) e ao deputado federal Paulo Magalhães (PSD) no município, diz que conversará, nos próximos dias, com os parlamentares em busca de obras para o município. “Já tivemos conversas prévias muito antes da eleição, mas nos próximos dias devemos participar de uma audiência com os nossos deputados e também amigos para discutir a viabilidade de obras para Gongogi”, disse Sapão, lembrando que o trabalho dos parlamentares já é visível no município, com uma série de obras e conquistas. Em tempo, Sapão deu mais de 2.300 votos aos seus candidatos nas eleições de outubro. Informações do Ubatã Notícias.

COMPARTILHE

Gongogi: “Lucas Maia” é o nome mais cotado para disputar a prefeitura em 2016

O tenente da Polícia Militar, Lucas Maia, é uma das apostas.

O Polícia Militar, Lucas Maia, é uma das apostas.

A política de Gongogi pode ter surpresa para 2016. Segundo informações de bastidores políticos o Aspirante a tenente da polícia militar, Lucas Maia, filho do Prof. Joca, está sendo cobiçado por vários partidos políticos para ingressar nas próximas eleições para o cargo do executivo municipal. Até o momento ele não se manifestou, mas ao que parece tem muita gente apostando no jovem cheio de planos, sonhos e ideais. A redação do blog Gongogi Notícias entrou em contato com Lucas Maia, mas, o jovem relatou que no momento não vai tratar da política, mas também não negou a possibilidade de concorrer em 2016. Ressaltando que em 2016 o atual prefeito Sapão (PDT) completará oito anos de governo e não poderá ser candidato, portanto, a eleição poderá ter caras novas.

COMPARTILHE

Gongogi: Condutor perde controle da direção e veículo cai em ribanceira

Veículo capotou e caiu numa ribanceira (Foto: Ubatã Notícias)

Veículo capotou e caiu numa ribanceira (Foto: Ubatã Notícias)

Na madrugada desta segunda-feira (25), por volta das 00h20, foi registrado um grave acidente na BA-120, que liga Gongogi a BR-330, próximo ao município de Ubatã. O condutor de um veículo Uno, placa OKO 5832, licença de Jequié, acabou perdendo a direção do veículo ao passar numa curva, a poucos quilômetros do município de Gongogi. O carro acabou caindo numa ribanceira de cerca de 6m de altura. Com o acidente, o veículo capotou e caiu com a rodas viradas para cima. Apesar da gravidade do acidente, o condutor do veículo, até o momento não identificado, sofreu apenas escoriações leves. Uma guarnição da Polícia Militar de Gongogi esteve no local e registrou a ocorrência. Um guincho realizou a retirada do veículo do local. A Polícia Rodoviária Federal investiga as circunstâncias do acidente. Informações do Ubatã Notícias.

COMPARTILHE

Gongogi: Prefeito cassado fica no cargo até decisão colegiada

prefeito-de-gongogi-sapãoO prefeito Altamirando de Jesus Santos (PDT) e a vice-prefeita Joana Angélica Santos (PSDB), da cidade de Gongogi, que tiveram diplomas cassados, foram beneficiados com o chamado “efeito suspensivo” ao recurso interposto, segundo decisão do juiz Wanderley Gomes, informou o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-BA) nesta quarta-feira (20). Ambos continuam no cargo até que o recurso seja julgado pelo colegiado do Tribunal. Eles integram a coligação “O Trabalho Continua” (PP/PDT/PPS/DEM/PSDB) e tiveram diplomas cassados no sábado (13) por decisão do juiz da 3ª Zona Eleitoral, Francisco Pereira de Morais. O pedido foi feito pelo Ministério Público Eleitoral (MPE). Segundo o TRE, em processos de cassação, o entendimento formado é que os casos sejam julgados pelo colegiado. De acordo com a primeira decisão, o prefeito e a vice-prefeita são suspeitos de abuso de poder político com prática de conduta vedada em ano eleitoral. Segundo o juiz, o prefeito distribuiu cerca de 100 bicicletas do programa federal “Caminho da Escola” durante a campanha eleitoral de 2012, o que teria favorecido a reeleição do prefeito. A decisão também prevê pena de multa no valor de R$ 21.282 e a inelegibilidade dos gestores pelo prazo de oito anos, com base na Lei da Ficha Limpa. A representação foi ajuizada em novembro de 2012 pelo Ministério Público Eleitoral. Fonte: G1 Bahia.

COMPARTILHE

Gongogi:TRE-BA reconduz “Sapão” ao cargo

sapao_prefeito_gongogiO Tribunal Regional Eleitoral (TRE-BA) reconduziu ao cargo o prefeito Altamirando de Jesus Santos, o Sapão, de Gongogi, além da sua vice, Joana Angélica Santos. A decisão é do corregedor do tribunal, juiz Wanderley Gomes. O corregedor enfatizou que, conforme jurisprudência, Sapão somente poderia ser cassado por decisão do TRE ou Tribunal Superior Eleitoral, justamente para evitar troca-troca constante e prejuízos ao município. O advogado Bruno Adry, da defesa do prefeito de Gongogi, acredita que Sapão deva reassumir o governo nesta quarta (20). A Justiça em Ubaitaba, responsável pela área eleitoral em Gongogi, foi informada por correio eletrônico, da decisão desta terça. Sapão foi cassado em decisão do juiz Francisco Morais, na semana passada. O prefeito é acusado de abuso de poder político ao distribuir 100 bicicletas do programa federal Caminho da Escola. A distribuição ocorreu 13 dias antes da eleição em 2012 em evento público. Na segunda, Kaçulo (PTC), assumiu a prefeitura. Ele foi o segundo colocado na disputa eleitoral. Com informações do Pimenta.

COMPARTILHE

Gongogi: Adolescente de 13 anos é alvejada às margens do Rio de Contas

Menor foi alvejada no joelho (Foto: Ubatã Notícias)

Menor foi alvejada no joelho (Foto: Ubatã Notícias)

Uma adolescente de 13 anos foi baleada na altura do joelho na manhã desta terça-feira (19), às margens do Rio de Contas, já no município de Gongogi. Segundo informações da própria vítima, que é moradora do Camamuzinho, distrito de Ibirapitanga, ela estava na beira do Rio de Contas, na altura do distrito, quando avistou um homem armado com um revólver. Ao tentar correr, a adolescente foi alvejada com um tiro na perna. Após atirar a menor, o homem, cuja identidade é ignorada até o momento, evadiu-se do local. Familiares e amigos encaminharam a adolescente até o Hospital César Monteiro Pirajá, em Ubatã, e logo depois ela foi encaminhada para o Hospital de Base, em Itabuna. A menor não corre risco de morte. Uma guarnição do 4º Pelotão da Polícia Militar de Ubatã foi acionada e realiza buscas na tentativa de prender o suspeito. A Polícia Civil de Gongogi investiga o caso. (Ueslei Souza/Ubatã Notícias)

COMPARTILHE

Gongogi: “Kaçulo” assume prefeitura do município

Kaçulo na cerimônia de posse (Foto: Valdir Santos/Ubatã Notícias)

Kaçulo na cerimônia de posse. Foto: Valdir Santos/Ubatã Notícias.

A Câmara Municipal de Gongogi empossou, na manhã desta segunda-feira (18), o prefeito Edvaldo dos Santos (PTC), o Kaçulo, e seu vice, Milton Mendes da Silva. Kaçulo assumiu o comando do executivo municipal após a Justiça da 73ª Zona Eleitoral de Ubaitaba cassar os mandatos do prefeito Altamirando de Jesus Santos (PDT), o Sapão, e de sua vice, Joana Angélica Oliveira Vasconcelos (PSDB). Sapão e Joana foram cassados sob a acusação de suposto abuso de poder político com prática de conduta vedada em ano eleitoral, ao ter, de acordo com o Ministério Público, distribuído, na campanha de 2012, aproximadamente 100 bicicletas do programa federal “Caminho da Escola”, em ato pública que segundo entendimento da Justiça, desequilibrou a disputa eleitoral e favoreceu a dupla. No discurso de posse, Kaçulo evitou fazer críticas duras ao ex-prefeito e disse que a humildade e gestão participativa darão o tom de seu governo. “Eu posso até mudar de residência, mas nunca mudarei de personalidade”, disse o gestor empossado na cerimônia, que reuniu apenas 05 dos nove vereadores do município. Logo após a cerimônia de posse na Câmara, Kaçulo se dirigiu à Prefeitura de Gongogi, onde se reuniu com alguns vereadores, liderança políticas e correligionários. Ao Ubatã Notícias, o gestor disse que o primeiro ato da gestão será nomear um novo Secretário de Administração. O gestor afirmou ainda que tudo é muito novo e que buscará informações para tomar maiores decisões. Em tempo, o ex-prefeito Sapão afirmou – via Assessoria de Imprensa – que recorrerá da decisão da Justiça de 1ª Instância junto ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE-BA). Com informações do Ubatã Notícias.

COMPARTILHE

Gongogi:Juiz cassa prefeito e vice-prefeita do município

xIMAGEM_NOTICIA_5.jpg.pagespeed.ic.nXmJG_FYar

Foto: Ubatã Notícias

Em decisão publicada no Diário da Justiça Eletrônico deste sábado (16), o juiz Titular da 73ª Zona Eleitoral, Francisco Pereira de Morais, determina a cassação do diploma e do mandato do Prefeito e da Vice-prefeita do município de Gongogi, localizado no sul da Bahia, a 396 Km da Capital. O prefeito Altamirando de Jesus Santos (PDT) é acusado de abuso de poder político com prática de conduta vedada em ano eleitoral por ter distribuído, na campanha de 2012, aproximadamente 100 bicicletas do programa federal “Caminho da Escola” em ato político que, segundo entendimento do Magistrado, desequilibrou a disputa eleitoral, favorecendo sua eleição. O Juiz determina, após a publicação da sentença, a imediata posse de Edvaldo dos Santos (PTC) e do seu vice Milton Mendes da Silva, candidatos mais votados depois do prefeito, que já exercia o cargo e foi reeleito na disputa. A posse deverá ser conduzida pela Câmara de Vereadores. Ficaram ainda fixadas a pena de multa no valor de R$ 21.282,00 e a declaração de inelegibilidade dos gestores cassados pelo prazo de oito anos, a contar da eleição, conforme previsto no artigo 22, inciso XIV da Lei Complementar 64/90, alterada pela Lei 135/2010, a Lei da Ficha Limpa. A condenação atende a uma representação ajuizada, em novembro de 2012, pelo Ministério Público Eleitoral contra a coligação “O Trabalho Continua”, pela qual Altamirando foi eleito, composta pelos partidos PP, PDT, PSL, PTN, PPS, DEM, PSDC, PHS, PSB, PSDB e PT DO B.

COMPARTILHE

Gongogi: Dupla vai para a cadeia por causa de R$ 10,00

Zezinho e Boca roubaram R$ 10,00 de motociclista (Foto: Ubatã Notícias).

Zezinho e Boca roubaram R$ 10,00 de motociclista (Foto: Ubatã Notícias).

Uma Guarnição da Polícia Militar de Gongogi prendeu, neste domingo (09), José Dias dos Santos (20), vulgo Zezinho, e Wagner Gama dos Santos (32), vulgo Boca, acusados de roubar R$ 10,00 de um motociclista. Segundo informações da vítima, o três bebiam sábado (08) em Laje do Banco. Após acabar a farra, por volta das 21h, Zezinho e Boca tentaram lhe roubar a moto, como não conseguiram, acabaram roubando R$ 10,00, valor que a vítima tinha no bolso. A dupla foi localizada pela PM neste domingo (09), por volta das 9h, passeando tranquilamente em uma das principais vias públicas de Gongogi. Nesta segunda Zezinho e Boca foram apresentados no Complexo Policial de Ubatã e foram ouvidos pelo Delegado Titular de Ubatã, Adelino Loyola, que responde temporariamente pela Delegacia de Gongogi. A dupla foi autuada no Art. 157, roubo. (Ueslei Souza/Ubatã Notícias)

COMPARTILHE

Gongogi: Convênio viabiliza empréstimos consignados para servidores

Prefeito destaca consignados, mas pede prudência a servidores.

Prefeito destaca consignados, mas pede prudência a servidores.

Parceria entre a Prefeitura Municipal de Gongogi e o Banco do Brasil viabilizou empréstimos consignados para os servidores públicos municipais. O convênio que permite os servidores gongogienses recorrer aos consignados foi assinado nesta quinta-feira (05) pelo prefeito Altarmirando de Jesus Santos (PDT), o Sapão. Os empréstimos consignados terão juros de 2,1% ao mês e poderão ser parcelados em até 58 meses. “Os juros são bem menores do que os que são cobrados geralmente pelo mercado, e por isso mesmo beneficiarão os servidores públicos de Gongogi, que poderão recorrer aos empréstimos”, destacou o prefeito Sapão. O gestor, no entanto, pediu prudência aos servidores. “O nosso objetivo é dar opções de crédito aos servidores públicos, no entanto precisamos lembrar que só indicado recorrer a empréstimos em situações muito especiais”, frisou Sapão, emendando que os consignados já podem ser realizados. (Ubatã Notícias)

COMPARTILHE

Gongogi: Audiência Pública Temática discute o Plano Plurianual Participativo

Sapão discursa durante Audiência Pública (Foto: Divulgação).

Sapão discursa durante Audiência Pública (Foto: Divulgação).

A Prefeitura Municipal de Gongogi realizou, na última sexta-feira (16), a Audiência Pública Temática para discutir a formatação do Plano Plurianual Participativo (PPA). O evento aconteceu na Câmara Municipal e reuniu vereadores, secretários de governo, comunidade e o prefeito Altamirando de Jesus Santos (PDT), o Sapão. Questões referentes ao planejamento de diversas áreas da administração pública foram discutidas durante a audiência, a exemplo dos segmentos de Saúde, Esporte, Educação, Segurança Pública, Meio Ambiente, Políticas Sociais e Infraestrutura. A comunidade teve participação ativa nos debates e elegeu demandas municipais. “O PPA é uma forma de os municípios planejarem as ações dos próximos três anos de diversos setores da administração. Além disso, a comunidade pode sugerir demandas e participar ativamente dos destinos do município”, disse o prefeito Sapão, classificando o evento desta sexta-feira como satisfatório. (Ubatã Notícias)

COMPARTILHE

Gongogi: Acusado de tráfico de drogas é preso pela PM

traficante gongogi

Foi preso no início da noite desta quarta-feira(14), às 18h, em Gongogi, Rosivaldo Dias dos Santos, de 45 anos, conhecido popularmente pelo vulgo de “Grosso”. O homem é acusado de comercializar entorpecentes na cidade. Ee foi pego em flagrante pela guarnição da polícia Militar de Gongogi, portando 10 pedras de crack, 03 papelotes de cocaína, uma quantidade pequena de maconha e 129,00 (cento e vinte e nove reais) em espécie, segundo a policia, oriundo da venda de drogas. “Grosso” foi conduzido para DEPOL/Gongogi, e logo após encaminhado para a prisão de Ubaitaba. Essa foi a segunda apreensão de drogas que a Polícia Militar de Gongogi realizou em uma semana.Fonte: Giro em Ipiaú.

COMPARTILHE

Gongogi: Polícia encontra plantação de maconha em quintal de casa

plantacao_maconha_gongogi

Cerca de 30 pés de maconha estavam plantados no quintal do imóvel.

A polícia militar de Gongogi encontrou no distrito de Nova Palma, uma residência com aproximadamente trinta pés de maconha plantados no quintal do imóvel. Os militares tomaram conhecimento do pequeno plantio após denúncia anônima. O responsável pela plantação, Jonilson Oliveira dos Santos, 30, não foi encontrado pelos militares. A sua esposa, uma menor de 14 anos, e o seu filho de nove meses de idade, foram conduzidos ao Conselho Tutelar de Gongogi. Já Viviane dos Santos, sogra de Jonilson, foi apresentada na delegacia do município. Fonte: Giro em Ipiaú.

COMPARTILHE

Gongogi: Conferência discutiu Política de Estado para a Cultura

conferencia_gongogi

A Prefeitura Municipal de Gongogi realizou, na útima sexta-feira (02), a III Conferência Municipal de Cultura, cujo tema foi “Uma Política de Estado para a Cultura: desafios do Sistema Municipal de Cultura. O evento, coordenado pela Secretaria Municipal de Cultura, foi realizado no Centro de Referência em Assistência Social (Cras). O objetivo da Conferência foi propor políticas públicas, programas e ações por representantes do poder público, da sociedade civil, das entidades culturais, artistas, produtores, agentes e articuladores culturais. “A comunidade participou dos debates e sugeriu as demandas municipais”, resumiu Vera van Winkel, Secretária de Cultura. Durante a Conferência, houve apresentações culturais, a exemplo de capoeira, dança de orixás e samba de roda. Ao final do evento, após as sugestões que serão encaminhadas à Conferência Estadual de Cultura, houve a eleição de delegados, responsáveis por fazer o documento chegar às autoridades. (Ubatã Notícias)

COMPARTILHE

Gongogi: Audiência Temática discutirá o Plano Plurianual Participativo

Audiência será realizada na Câmara Municipal.

Audiência será realizada na Câmara Municipal.

A Prefeitura Municipal de Gongogi realiza, no próximo dia 16 de agosto, a partir das 9h, na Câmara de Vereadores, uma Audiência Temática para formatação do Plano Plurianual Participativo (PPA) 2014/2017. Será discutido o planejamento de várias áreas da administração pública, como Saúde, Esporte, Educação, Segurança Pública, meio Ambiente, Políticas Sociais e Infraestrutura. A gestão municipal gongogiense quer discutir as principais demandas do município para os próximos anos e a comunidade poderá participar ativamente dos debates. Segundo Carlos Brito, especialista em Gestão Pública, o PPA é um eficaz instrumento para eleger demandas e prioridades dos municípios e também para planejar as futuras ações em diversas áreas da administração pública. Segundo o prefeito de Gongogi, Altamirando de Jesus Santos (PDT), o Sapão, entusiasta do PPA, o Plano Plurianual Participativo é um dos momentos em que a comunidade pode participar mais efetivamente do planejamento das ações e do futuro dos municípios. “Um exemplo de cidadania”, resume o gestor. Em tempo, o evento deve reunir diversas autoridades e a comunidade.Fonte: Ubatã Notícias.

COMPARTILHE

Gongogi: Cerimônia inaugura sedes da Secretaria de Cultura e da Fanfarra

Secretária de Cultura discursa durante evento.

Secretária de Cultura discursa durante evento.

Breve cerimônia realizada nesta sexta-feira (26) inaugurou as sedes da Secretaria Municipal de Cultura, da Diretoria Municipal de Esportes e também da Fanfarra Municipal de Gongogi (FAMUGI). O evento, que começou por volta das 9h e reuniu diversas autoridades municipais, é uma realização da Prefeitura de Gongogi.

Além da cerimônia de inauguração, houve uma apresentação da FAMUGI, que é bicampeã baiana do concurso de Fanfarra. Segundo a Titular da Pasta de Cultura do município, Vera van Winkel, o nosso espaço dinamizará os trabalhos da Secretaria e possibilitará pôr em práticas diversos projetos de integração social.

O prefeito de Gongogi, Altamirando de Jesus Santos (PDT), o Sapão, destacou a importância dos novos espaços. “É dever [da gestão municipal] fomentar também a cultura e o esporte no município”, destacou o gestor, lembrando que a fanfarra do município tem ganhado destaque no estado. Fonte: Ubatã Noticias.

COMPARTILHE

Gongogi: Prefeitura inaugura sedes da Secretaria de Cultura e Fanfarra nesta sexta

Prefeitura disse que investir em cultura é prioridade.

Prefeitura disse que investir em cultura é prioridade.

A Prefeitura Municipal de Gongogi, sob a gestão de Altamirando de Jesus Santos (PDT), o Sapão, inaugura, a partir das 8h desta sexta-feira (26), as sedes da Secretaria Municipal de Cultura, da Diretoria Municipal de Esportes e também da Fanfarra Municipal de Gongogi (FAMUGI). Ainda na cerimônia de inauguração, haverá uma apresentação da FAMUGI, que é bicampeã baiana do concurso de fanfarra. Após o evento, a partir das 10h, haverá uma missa festiva na Igreja Católica de Gongogi em homenagem a padroeira do município, Nossa Senhora de Santana.O prefeito Sapão disse que a inauguração das sedes da Secretaria de Cultura e da Fanfarra trarão mais conforto, comodidade e facilitará a logística dos trabalhos. “Estamos investindo em cultura e também na nossa fanfarra, que tem dado orgulho a nossa comunidade”, resumiu o prefeito.Fonte:Ubatã Notícias.

COMPARTILHE

GONGOGI: RECADASTRAMENTO BIOMÉTRICO ULTRAPASSA 2,7 MILHÕES DE ELEITORES

Em Gongogi, recadastramento vai até o dia 19/12.

Em Gongogi, recadastramento vai até o dia 19/12.

Mais de 2,7 milhões de eleitores brasileiros fizeram a revisão biométrica, só este ano, durante a campanha do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). A coleta de digitais dos cidadãos aptos a votar foi realizada, até o momento, em trezentos e doze municípios (entre eles 10 capitais) de 23 Estados, além do Distrito Federal. O trabalho é feito pelos Tribunais Regionais Eleitorais (TREs). E, com esse resultado, a Justiça Eleitoral alcançou 19% do total de eleitores convocados. Ao todo 12,475 milhões de pessoas deverão comparecer aos pontos determinados pelos Tribunais para o recadastramento biométrico para as eleições de 2014. No sul da Bahia, estão em fase de recadastramento biométrico os municípios de Gongogi, Aurelino Leal e Ubaitaba. O objetivo é de que nas Eleições 2014, os eleitores, nas cidades onde haverá urna biométrica, possam ser identificados pelas digitais e assim evitem fraudes no dia da votação. Fonte: Ubatã Notícias.

COMPARTILHE

GONGOGI: JUSTIÇA ELEITORAL EXTINGUE PROCESSO E SAPÃO PERMANECE NO CARGO

Sapão foi reeleito em outubro.Fonte: Ubatã Noticias.

Sapão foi reeleito em outubro.Fonte: Ubatã Noticias.

A Juíza Eleitoral Fernanda Maria de Araújo Mello indeferiu, nesta quinta-feira (18), uma Ação de Investigação Judicial Eleitoral (AIJE) ajuizada pelo candidato derrotado nas últimas eleições majoritárias Edvaldo dos Santos (PTC), o Kaçulo, em face do atual prefeito de Gongogi Altamirando de Jesus Santos (PDT), o Sapão. Kaçulo alegava suposta captação ilícita de sufrágio e pedia a cassação de diploma do prefeito. A magistrada anotou na sentença. “[…] para que haja condenação, a prova há que ser cabal, os testemunhos hão de estar livres de quaisquer contradições, incertezas e propósitos outros que não o esclarecimento da verdade”.Ainda na sentença, a magistrada completou: “Julgo improcedente o pedido formulado na presente ação, e extingo o processo com apreciação do mérito”. Com a decisão, permanece no cargo o prefeito Altamirando de Jesus Santos, reeleito em outubro para o segundo mandato à frente do executivo.

COMPARTILHE

GONGOGI : PREFEITO DIZ QUE DÍVIDA DO MUNICÍPIO É SUPERIOR A R$ 22 MILHÕES

De acordo com o prefeito, a dívida é oriunda de outras gestões.

De acordo com o prefeito, a dívida é oriunda de outras gestões.

O prefeito de Gongogi, Altamirando de Jesus Santos (PDT), o Sapão, disse, em entrevista exclusiva ao Ubatã Notícias, que o município deve mais de R$ 22 milhões. De acordo com o alcaide, a dívida, oriunda de outras gestões, era ainda mais volumosa, mas parte dela foi equacionada pelo atual governo. “Temos uma receita 0,6 do FPM e uma dívida superior a R$ 22 milhões. O município tem dívida com INSS, Receita Federal e Cesta do Povo. Como são órgão estaduais e federais, Gongogi está com o nome negativado no Cauc, o que nos impede de firmar convênios com a União”, disse o prefeito Sapão. O prefeito reconheceu alguns problemas da gestão, mas destacou os avanços conseguidos pelo seu governo em áreas como saúde e educação. Fonte: Ubatã Notícias.
COMPARTILHE

GONGOGI: DOIS HOMENS SÃO AMORDAÇADOS E EXECUTADOS A TIROS

Corpos ainda não foram identificados (Foto: Ubatã Notícias)

Corpos ainda não foram identificados (Foto: Ubatã Notícias)

Populares encontraram, na manhã desta terça-feira (26), na Ponte que dá acesso ao município de Gongogi, já na BA-120, os corpos de dois homens ainda não identificados que aparentam aproximadamente 30 anos. Os homens estavam com as bocas e as mãos amarradas e foram mortos a tiros na cabeceira da ponte. A Polícia acredita em crime de execução, pois aparentemente não foi roubado nada das vítimas e estas teriam sido conduzidas até o local do crime, que seria a própria ponte que liga os municípios de Ubatã e Gongogi. A Polícia ainda acredita que o crime ocorreu há poucas horas, isso porque o sangue das vítimas ainda jorrava. A Polícia Militar de Ubatã esteve local, que rapidamente reuniu mais de uma centena de curiosos e isolou a área. O crime, no entanto, deve ser investigado pela Polícia Civil de Ubaitaba, que é responsável pela investigação de crimes ocorridos no município de Gongogi. Em tempo, há a suspeita de que uma das vítimas seja de Ubatã e a outra, de Ubaitaba. A informação ainda não foi confirmada. Veja mais fotos no Ubatã Noticias.

COMPARTILHE