Bahia: Homem esquarteja cão da raça poodle em Eunápolis
José Carlos disse que precisou ‘sacrificar’ o cão para ‘livrar o mundo do pecado’

José Carlos disse que precisou ‘sacrificar’ o cão para ‘livrar o mundo do pecado’

Um crime com requinte de crueldade contra um animal deixou os moradores do Pequi, em Eunápolis, revoltados na manhã desta terça-feira (14). Um homem esquartejou um cachorro da raça poodle na Rua Canta Galo, bairro Pequi. Preso em flagrante, o desempregado José Carlos Santana, 42 anos, falou que precisou ‘sacrificar’ o cão da vizinha para retirar os pecados do mundo. A dona do animal, um técnica de enfermagem que pediu para não ser identificada, afirmou que deixou o cachorro na calçada. A mulher disse ainda que ouviu o acusado chamando o cão, que atendia pelo nome de Toddy. A técnica falou que, momentos depois , ouviu latidos agudos, como se o cão estivesse sentindo dor e resolveu ir à rua ver o que estava acontecendo. ‘Achei que ele estivesse brigando com outro cão. Os latidos vinham de dentro da casa de José Carlos. Como a porta estava aberta resolvi entrar para ver o que estava acontecendo e me deparei com uma cena terrível: Ele estava esquartejando meu cachorro com um facão’, declarou a mulher. Populares acionaram a Polícia Militar, que se deslocou ao local e prendeu José Carlos em flagrante. A mulher afirmou que o vizinho mora sozinho e costumava chegar em casa bêbado. A delegada plantonista Elizabeth Salvadeu autuou José Carlos em flagrante por maus tratos contra animal. Foi lavrado um Termo Circunstanciado de Ocorrência – TCO, quando o crime é de menor poder ofensivo. O acusado vai responder em liberdade. (Radar 64)

COMPARTILHE