Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

‘ONDE QUER QUE ELE ESTEJA, ESTÁ TÃO FELIZ QUANTO CADA UM DE NÓS’, DIZ ACM NETO AO DEDICAR VITÓRIA AO AVÔ

Após vitoria, ACM Neto discursou em Salvador ao lado de Geddel e Antonio Imbassay

O prefeito eleito de Salvador pelo DEM, ACM Neto, iniciou o seu discurso para os presentes na noite deste domingo (28) com um pedido para que as ruas próximas ao seu comitê central, localizado na Avenida Vasco da Gama, fossem liberadas. “A gente tem que dar exemplo na comemoração da nossa vitória”, solicitou. Em seguida, o democrata foi brevemente interrompido pelo deputado estadual Paulo Azi (DEM), que mencionou a aposta feita com o presidente da Assembléia Legislativa, Marcelo Nilo (PDT), sobre o resultado da eleição soteropolitana. “Ontem à noite surgiu uma pesquisa que dizia que o deputado adversário estava na frente. Nós demos 50 mil de frente. Quero dizer que quem ganhou a aposta foi o povo de Salvador”, calculou.

Azi e Nilo casaram um cheque de R$ 50 mil cada na redação do Bahia Notícias.

Após a intervenção do correligionário, Neto iniciou uma série de agradecimentos. O futuro prefeito agradeceu a Deus, aos familiares e todos do seu partido e das legendas que o apoiaram. Ao falar da família, o democrata citou o avô, o ex-senador ACM, falecido em 2007, o que levou os presentes a gritarem, em coro: “ô, ACM voltou!” “Eu não poderia esquecer de alguém que não está aqui entre nós. Eu sei que, onde quer que ele esteja, está tão feliz quanto cada um de nós. Eu aprendi com ele a amar a Bahia, lutar pelo nosso povo e dedicar a vida à política”, afirmou. ACM Neto cumprimentou o adversário, o deputado federal Nelson Pelegrino (PT), que chegou a ser vaiado pelos simpatizantes presentes. “Por favor, gente. Nós somos diferentes.

Ele (Pelegrino) continua deputado e espero que possa ajudar Salvador e a Bahia”, declarou. O futuro prefeito aproveitou e falou que “espera ter uma relação harmônica” com o governador Jaques Wagner (PT), a quem disse que irá procurar, e com o governo federal para construir “uma relação de trabalho em parceria construtiva”. O político afirmou ainda que falou por telefone com o vice-presidente da República, Michel Temer (PMDB), e pediu que “ele seja o advogado e o porta-voz dos interesses de Salvador”. Segundo Neto, o vice-presidente de Pessoa Jurídica da Caixa Econômica, Geddel Vieira Lima (PMDB), agendará um encontro com Temer ainda esta semana.

(Fonte: Bahia Noticias)

VOCÊ PODE GOSTAR TAMBÉM

3 Comentários
  1. Bira de Osasco Diz

    O povo baiano deveria ter um pouco mais de noção, pois no passado a Bahia era comandada pela família ACM e conseguiu se livrar daqueles canalhas, agora Salvador elegeu mais um canalha da mesma família. Me desculpem povo soteropolitano, vocês gostam de sofrer mesmo.

  2. Valter Sampaio Diz

    Manoel, quero te dizer que vc deve ser daqueles bem radical, não sou defensor de ACM, mais depois dele a Bahia parou, veja o ex das professoras que vcs tanto criticaram os métodos de ACM, fizeram pior, a polícia militar seu governador ARRASOU, qual a diferença do governo de ACM que muito contribuiu para nossa região e esta de Wagner, que fêz?????????????????? talvez vc possa dizer, ou engulir suas palavras que são de uma pessoa que só olha seu lado, EGOISMO.

  3. Manoell Nunes Diz

    É com pesar que venho anunciar o falecimento de Salvador, pois vinha sofrendo de um câncer degenerativo, que teve a primeira operação feita por Deus quando levou o ACM, Mais a quimioterapia não foi suficiente e o câncer ressurgiu mais uma vez.

Deixe uma resposta

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do UBAITABA URGENTE. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.