Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

PROTESTOS EM ILHÉUS TAMBÉM ATINGEM WAGNER

Wagner ouviu coro de “traidor” de pequeno grupo de educadores em Ilhéus (Foto Pimenta).

Servidores da Prefeitura de Ilhéus e funcionários do Hospital São José protestaram e pediram socorro a Jaques Wagner para receber salários de setembro e outubro, ontem, na visita do governador ao município sul-baiano, onde inaugurou o Departamento de Polícia Técnica e o Terminal Pesqueiro Público de Ilhéus, além de assinar ordem para licitar obras de infraestrutura no valor de R$ 98 milhões. Uma comissão de servidores públicos foi pedir ao governador intervenção para que a Justiça baiana libere cerca de R$ 3,5 milhões bloqueados desde setembro, segundo o presidente do Sinsepi, Lu Machado. Já os funcionários do São José, da Santa Casa de Misericórdia de Ilhéus, pediam a intervenção do Estado, via Secretaria de Saúde, para que sejam regularizados os pagamentos de salários atrasados há quase três meses. Mas o governador enfrentou também manifestação de pequeno grupo de educadores. Professores gritavam palavras de ordem como “traidor” e exibiam cartazes mostrando insatisfação com a condução da greve dos profissionais do magistério da rede estadual. A categoria parou por 115 dias em meados deste ano. Um dos cartazes dizia “Minha educação não é privada, mas o governo (sic) ta c$ga$ndo nela”. A polícia fez cordão de isolamento, separando manifestantes e comitiva das autoridades. Não houve incidente. Fonte: Pimenta

VOCÊ PODE GOSTAR TAMBÉM

Deixe uma resposta

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do UBAITABA URGENTE. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.