Souto põe lisura da SSP em xeque e quer que PF investigue denúncias

soutocoletiva

Além de colocar em xeque a conduta do juiz eleitoral Cláudio Cezare, Paulo Souto faz o mesmo com o Ministério Público baiano e Secretaria de Segurança Pública do Estado da Bahia (SSP). Durante conversa com jornalistas, na manhã desta segunda, o demista, que disputa o Palácio de Ondina, quer que as investigações sobre o ‘mensalinho baiano’ sejam feitas pela Polícia Federal. A abertura de inquérito sobre as denúncias na Delegacia de Crimes Econômicos e Contra a Administração Pública (Dececap), segundo o democrata, pode ser considerado uso máquina pública pelo governo estadual e que, por estar a cargo da SSP, poderia ser “utilizada para fins políticos”. “Quem deveria investigar seria a PF e não o Estado. A Secretaria de Segurança Pública pode ser usada e aparelhos do estado podem estar sendo usados e precisa ser apurado nesse momento. Defendemos que a PF pegue a investigação”, afirmou Souto, que também acusou a falta de “isenção” à SSP para averiguar as denúncias. Com informações de Aparecido Silva

COMPARTILHE